Início Videos Piraquê lança movimento artístico: Batatismo

Piraquê lança movimento artístico: Batatismo

Campanha da marca para os novos Snacks de Batata usa linguagem moderna e original para apresentar os produtos

263
0

Movimentos artísticos, geralmente inspirados por objetos e acontecimentos, marcam época e se misturam à própria história, criando um canal de expressão. Nessa pegada, a Piraquê marca de snacks, biscoitos e massas da M. Dias Branco, lança o Batatismo, transformando os novos Snacks de Batata em verdadeiras obras de arte na campanha de lançamento dos produtos.   

Piraquê, que é reconhecida pela originalidade de seus produtos icônicos, lançou os Snacks de Batata, que oferecem experiência sensorial única. Mais crocante e fininho do que um biscoito, mais leve, saudável e saboroso do que uma batata frita, o produto é singular, como uma obra de arte. A diferença do Batatismo é que o movimento, além de vida, tem sabor: original, cebola e salsa e churrasco.   

Os Snacks de Batata já estão disponíveis no mercado e, para comunicar a novidade, Piraquê apresenta campanha assinada pela Lew’Lara\TBWA. A ação é concentrada no digital e conta com filme manifesto, que apresenta o conceito da campanha, além de peças criadas por três artistas convidados por Piraquê para criar obras originais, as chamadas “batatartes”. Cada um deles representa artisticamente um sabor e uma temática. Paula Aguiar, por meio da ilustração, assina a arte sabor original, enquanto a Junaka, em 3D+colagem, simboliza o sabor churrasco, e Matheus Bittencourt, em pixel art, retrata cebola e salsa. Ainda no digital, a campanha conta com influenciadores que vão amplificar e gerar conteúdo sobre um dos principais atributos do produto: a crocância.   

No Rio de Janeiro, as obras-primas do Batatismo estarão pelas ruas, com um plano de OOH com peças especiais em bancas de jornais, nos VLTs, relógios e na ponte Rio-Niterói.   

A Piraquê tem investido no fortalecimento do seu portfólio de salgadinhos. Além dos Snacks de Batata, recentemente, lançou em edição limitada os snacks Comida Di Buteco, com a proposta de levar para dentro de casa os sabores irresistíveis dos botecos familiares, como pão de alho, pimenta e calabresa. A marca, que nasceu no Rio de Janeiro, passa por um processo de nacionalização, indo além da preferência carioca.   

O segmento de snacks é prioridade na estratégia de rejuvenescimento da marca, a partir de produtos focados no jovem adulto e momentos de consumo complementares aos biscoitos da marca. Na campanha, usamos linguagem moderna e original para falar dos atributos dos produtos, conectada com o target da marca”, ressalta Rodrigo Mainieri, gerente de marketing da M. Dias Branco.  

Originalidade. Essa é a essência da Piraquê. Por isso, os novos Snacks de Batatas Piraquê não são meros snacks. Não! Eles são verdadeiras obras-primas que você aprecia com a boca. É batata em forma de arte. E foi daí que surgiu o conceito original de toda essa campanha irreverente. Depois do Neoclassicismo, Romantismo, Modernismo, nasce um novo “Ismo”: o Batatismo. E pra dar vida a essa nova “expressão artística” a gente contou com a participação de vários artistas, incluindo até o Mozart”, comenta Rodrigo daMatta, diretor de criação da Lew’Lara\TBWA  

Temos a ambição de transformar Piraquê em um ícone brasileiro”, ressalta Mainieri, que relembra o sucesso da ação Artvertising, realizada em outubro de 2020, que levou a arte de grafiteiros para o mobiliário urbano, incluindo cores no dia a dia das pessoas. “A originalidade da marca também direciona a forma dela se comunicar”, conclui o executivo. 

FICHA TÉCNICA 

Título: Batatismo 

Agência: LEW’LARA\TBWA 

Cliente: Piraquê 

Produto: Snack de Batata 

Chairman Grupo TBWA: Luiz Lara 

CEO: Marcia Esteves 

Diretor Executivo de Criação: Sleyman Khodor 

Direção de Criação: Rodrigo daMatta 

Direção de Arte: Jessica Mantovani 

Redação: Hugo Nery 

Negócios: Ricardo Munhoz, Carolina BomAngelo, Fernanda Albuquerque, Carla Mariano e Kézia Tonon 

Estratégia: Raquel Messias, Fabrício Natoli e Michel Nepomuceno 

Operações: Elise Passamani 

Mídia: Vicente Varela, Henrique Farias, Felipe Duarte, Marina Signori, Vitor Motta, Larissa Muniz, Bruna Natali e Yolanda Yamamoto. 

BI: Vicente Varela, Caio Chaim, Lucas Pereira e Lucas Carvalho 

Projetos: Henrique Salvadori, Diego Silva e Guilherme Ramos 

Conteúdo: Marcela Calura, Victoria Freitas, Fernanda Bettega, Gabriel Mota  

Parceiro Influenciadores: Netcos 

Produção RTV: Izabel Soares, Isabela Torquato 

Produtora de Filme: Videocubo       

Direção de Cena: Davi Moori 

Produção Executiva: Victor Reis 

Produção: Anninha Rodrigues 

Montagem: Davi Moori 

Finalizador: Diogo Dias de Andrade 

Coordenação de Pós: Diogo Dias de Andrade 

Finalização: Videocubo 

Produtora de Som: A9 Áudio 

Direção musical: Apollo Nove 

Produção: Douglas Couto 

Finalização: Adailton Matos 

Coordenação: Renata Rodriguez 

Atendimento: Guta Lima 

Locução: Tatá Guarnieri 

Aprovação Cliente: Fábio Melo, Rodrigo Mainieri e João Paulo Gomes 

Artigo anteriorGM detalha plano para dobrar sua receita e gerar margens ainda mais altas
Próximo artigoSom Livre faz parceria com Instagram em divertido videoclipe de “Patroas” sobre empoderamento feminino
Editor Executivo do Portal CidadeMarketing.com.br > Mestre em Comunicação e Sociedade pela Universidade Federal de Sergipe. Possui MBA Executivo em Administração com ênfase em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas - Rio de Janeiro. Consultor, Palestrante e Pesquisador sobre Empreendedorismo, Marketing, Redes Sociais e Negócios Digitais. Professor, Palestrante TedxTalks e Campus Party.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui