Início Notícias XP Inc., Romero Rodrigues e Headline se unem para criar novo fundo...

XP Inc., Romero Rodrigues e Headline se unem para criar novo fundo de Venture Capital

Uma das sucessoras da bem-sucedida Redpoint eventures, Headline ficará sob o comando de Romero Rodrigues e terá todo suporte da XP, além de contar com o apoio dos fundadores da Redpoint US e Headline Global.

345
0
Divulgação


Depois de uma jornada de grande liquidez à frente da Redpoint eventures no Brasil, o empresário e investidor Romero Rodrigues, que conquistou notoriedade no ecossistema de startups brasileiro e internacional como fundador do Buscapé, uma das primeiras startups brasileiras, anuncia hoje a união da Headline, gestora de venture capital recém-criada, com a XP Inc. para lançamento de um novo fundo de venture capital.

Além da experiência de Rodrigues, que em 7 anos na co-liderança da Redpoint eventures somou R$ 1,5 bilhão sob sua gestão com investimentos em startups como os unicórnios Creditas, Gympass, Rappi e Olist, a Headline chega ao mercado associando de um lado toda estrutura operacional e os ativos da XP e, de outro, todo o track record e plataforma tecnológica da Headline Global desenvolvidos nos últimos 20 anos. Essa combinação única vai assegurar uma incomparável vantagem competitiva para atração de startups com alto potencial de escala no país e no mercado internacional.

Agora sob o comando de Rodrigues, o plano da Headline é seguir a receita de sucesso que os trouxe até aqui: apoiar com capital, mentoria e network os melhores founders do Brasil. O próximo fundo, que deve ser captado em breve, terá foco na mesma estratégia do Redpoint eventures 1 e Redpoint eventures 2 de investimentos em startups early-stage.

Criado em 2012, o fundo 1, de US$ 130 milhões, investiu em 30 empresas, 4 delas unicórnios. Já o fundo 2, de US$ 175 milhões, foi lançado em 2018, completou o seu portfolio de 26 empresas no início do ano passado e já vendeu 4 empresas, todas com retornos positivos. “Ambos os fundos estão com retornos acima do target esperado para a classe, que é de 25% ao ano”, afirma Romero.

“A gestora que estamos montando tem um formato inédito: um time de gestão completamente independente com experiência de operação e investimentos em startups, uma firma de VC global trazendo os melhores insights, práticas e tecnologias, e o poder e alcance de um dos principais protagonistas do mercado financeiro brasileiro. Nossa missão será ajudar a desenvolver o ecossistema de empreendedorismo e startups no País e democratizar o venture capital entre os investidores brasileiros. Com a XP como sócia teremos todos os recursos necessários para avançarmos nessa direção”, assinala Rodrigues.

“A XP é a casa do empreendedor brasileiro e tem lançado iniciativas para apoiar, cada vez mais, startups de diversos tamanhos e estágios de crescimento. Pretendemos investir em até 30 negócios diferentes por meio desse fundo. É um passo importante para o mercado de inovação brasileiro e estamos apenas no começo. Queremos conversar com milhares de startups brasileiras”, destaca Thiago Maffra, CEO da XP Inc.
A prospecção de startups da Headline irá tirar proveito de um ativo incomparável no mercado brasileiro: a poderosa plataforma da XP, que, com mais de 9 mil assessores de investimento, consultores e family offices irá potencializar a originação de negócios por meio de toda essa capilaridade.

“Teremos capacidade de nos conectar com startups do Brasil inteiro, por meio do ecossistema de assessores existente na XP”, antecipa Bruno Castro, CEO da XP Asset Management.

“Um dos objetivos da aliança será propagar smart capital para os founders e os times de suas startups usando todo o alcance e expertise que fez a XP tão bem-sucedida na missão de educar os brasileiros a investir”, acrescenta Castro.

Além do grande alcance da plataforma da XP no Brasil, a gestora contará ainda com a plataforma global e expertise de seu sócios internacionais, Jeff Brody fundador da Redpoint e Mathias Schilling fundador da Headline, antiga e.ventures, que seguem no comitê de investimento da gestora.
A Headline tem 22 anos de experiência em Venture Capital no Vale do Silício e escritórios em 7 cidades (San Francisco, Berlim, Paris, São Paulo, Taipei, Beijing, Tokyo) em 4 continentes.

A gestora americana aporta também sua plataforma tecnológica proprietária e exclusiva, que, através da análise quantitativa de bilhões de dados, ajuda a identificar as startups que estão no ponto de inflexão de crescimento ideal para o investimento do fundo e maximização do retorno.
“Construímos pontes de conhecimento entre as diferentes regiões para acelerar o sucesso e o crescimento do portfolio. A dor que um founder tem no Brasil já pode ter sido resolvida por outro que está no Vale, em Pequim ou em Berlim. Ao promovermos esta conexão ambos se beneficiam e reunimos informações estratégicas para nossa tomada de decisão de investimentos”, finaliza Mathias Schilling, fundador da Headline.

Artigo anteriorHershey anuncia nova Head de Marketing para América Latina
Próximo artigoDomino’s Pizza chega em Ipanema no Rio de Janeiro
Editor Executivo do Portal CidadeMarketing.com.br > Mestre em Comunicação e Sociedade pela Universidade Federal de Sergipe. Possui MBA Executivo em Administração com ênfase em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas - Rio de Janeiro. Consultor, Palestrante e Pesquisador sobre Empreendedorismo, Marketing, Redes Sociais e Negócios Digitais. Professor, Palestrante TedxTalks e Campus Party. Twitter: @ThalesBrandao

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui