Início Notícias Natura &Co e WaterBear lançam documentário sobre sustentabilidade

Natura &Co e WaterBear lançam documentário sobre sustentabilidade

Pré-estreia do filme Tree of Plenty acontece durante a COP26 e acaba de chegar ao catálogo da plataforma, já disponível no Brasil

307
0
Divulgação

Uma comunidade amazônica que transformou uma árvore à beira da extinção em símbolo de abundância e fonte de geração de renda para seus moradores. Essa é a história de Tree of Plenty, documentário que marca o início da parceria entre Natura &Co e a plataforma WaterBear, serviço de streaming que reúne conteúdos originais sobre sustentabilidade para conscientizar e inspirar ação em torno do tema.A pré-estreia do filme, produzido pela WaterBear, acontece no dia 1º de novembro durante a 26ª Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP26), em Glasgow. Tree of Plenty será lançado na plataforma, já disponível no Brasil em inglês, no dia 4 de novembro.

Com cerca de oito minutos, o documentário mostra que a Ucuuba, árvore nativa dos ribeiros da Amazônia, gera uma renda três vezes maior para as comunidades de seu entorno quando preservada. O manejo adequado da espécie para a coleta de seus frutos se mostrou uma alternativa rentável e sustentável ao mero corte das árvores, cuja madeira era usada na fabricação de cabos de vassoura e palitos de fósforo. Depoimentos de integrantes do Movimento de Mulheres das Ilhas de Belém reforçam que o novo uso econômico das ucuubeiras foi determinante na manutenção da floresta em pé e no desenvolvimento local, e permitiu que as mulheres da região conquistassem independência financeira.

Tree of Plenty tem o propósito de fazer com que o mundo volte seus olhos para a Amazônia, o maior repositório de biodiversidade do mundo. A região abrange nove países, é lar de uma em cada dez espécies conhecidas e abriga mais de 30 milhões de pessoas. Por outro lado, o desmatamento fez com que algumas áreas da Amazônia emitam mais CO2 do que absorvem. Se florestas tropicais como a Amazônia continuarem a ser derrubadas no ritmo atual, o mundo não cumprirá as ambições do Acordo de Paris, de limitar o aumento da temperatura global em 1,5°C.

Parceria entre Natura &Co e WaterBear

O grupo Natura &Co estabeleceu uma parceria de colaboração com a WaterBear em agosto deste ano. Como membro fundador da rede, Natura &Co é parte do ecossistema do serviço de streaming e participará das principais ativações para a COP26. Natura &Co também compartilhará histórias por meio de um canal próprio na plataforma, com conteúdos que se relacionam ao Compromisso com a Vida, visão de sustentabilidade do grupo para 2030. Um dos pilares da visão é enfrentar a crise climática e proteger a Amazônia. Garantir a igualdade e a inclusão, e abraçar a circularidade e a regeneração também estão nas metas. 

Marcelo Behar, vice-presidente de Sustentabilidade e Assuntos Corporativos do Grupo Natura &Co acredita que parcerias como estas são estratégicas para transformar as metas de sustentabilidade do grupo em realidade. “Quando lançamos o “Compromisso com a Vida”, compartilhamos nosso plano para resolver alguns dos problemas mais desafiadores de nosso tempo. Para concretizá-lo, devemos conectar nossos consultores e representantes, colegas, comunidades e clientes com parceiros inovadores e mentes criativas em todo o mundo. Os desafios futuros vão redefinir nosso conceito de cidadania. É por isso que temos o prazer de embarcar nesta jornada com WaterBear Para tocar os corações e mentes dos cidadãos, devemos envolvê-los com conteúdo que inspire todos a agir”.

Serviço de streaming especialmente voltado à temática da natureza, a WaterBear é uma criação de Ellen Windemuth, produtora executiva de Professor Polvo, documentário vencedor do Oscar 2021. Com um catálogo de documentários premiados e conteúdos originais baseados nos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, a plataforma busca abrir caminho para a conscientização, educação e para ação em prol dessa agenda.

Para Tom Zaranko-Carver, diretor do filme, Plenty of Tree é uma história de esperança. “Essa história prova que a ciência moderna, a indústria de grande escala e a preservação da floresta podem coexistir, e mostra ainda o quão grande é o impacto que nossas escolhas como consumidores podem ter sobre as pessoas”, afirma.

Artigo anteriorDurante o mês da Black Friday Burger King oferece descontos com preços mais barato que o litro da gasolina
Próximo artigoToyota celebra marca de 25 mil veículos híbridos flex comercializados no Brasil
Editor Executivo do Portal CidadeMarketing.com.br > Mestre em Comunicação e Sociedade pela Universidade Federal de Sergipe. Possui MBA Executivo em Administração com ênfase em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas - Rio de Janeiro. Consultor, Palestrante e Pesquisador sobre Empreendedorismo, Marketing, Redes Sociais e Negócios Digitais. Professor, Palestrante TedxTalks e Campus Party.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui