Início Notícias Universa e Instituto Avon apresentam o Prêmio Inspiradoras

Universa e Instituto Avon apresentam o Prêmio Inspiradoras

Iniciativa reconhece lideranças femininas que estão à frente de projetos de impacto nas áreas de combate à violência contra a mulher, diagnóstico precoce e tratamento do câncer de mama e equidade de gênero

270
0

Universa, plataforma de conteúdo feminino do UOL, e Instituto Avon, organização não-governamental que atua na defesa de direitos fundamentais da mulher, por meio de ações e iniciativas na resposta ao câncer de mama e no enfrentamento à violência contra mulheres e meninas, uniram-se na criação do Prêmio Inspiradoras.

A iniciativa tem como objetivo amplificar as vozes das mulheres ao identificar, reconhecer e dar maior visibilidade a pessoas que se destacam na luta para transformar a vida das brasileiras. Além de contar histórias de mulheres que encontraram meios para agir mesmo em tempos tão difíceis, o Prêmio também pretende inspirar pessoas a acreditarem que é possível transformar o mundo em um lugar melhor para as mulheres.

 CATEGORIAS

A premiação estará centrada em três causas: violência contra a mulher, câncer de mama e equidade de gênero. Estas, por sua vez, serão divididas em sete categorias:  Acesso à Justiça, Conscientização e Acolhimento, Inovação em Câncer de Mama, Informação para a Vida, Equidade e Cidadania, Esporte e Cultura, e Representante Avon.

“Com o Prêmio Inspiradoras, somaremos o enorme alcance de Universa que, apesar de jovem, já é referência em jornalismo feminino no Brasil, ao grande impacto social das ações articuladas pelo Instituto Avon, reconhecido pelo suporte às causas das mulheres. Que esta seja a primeira de muitas edições desse Prêmio”, comemora Tatiana Schibuola, gerente geral de marcas editoriais do UOL.

“O Instituto Avon trabalha para que as brasileiras possam viver de forma segura e saudável, promovendo ações e iniciativas que apoiem, acolham e conscientizem as pessoas. Por atuarmos nas causas de enfrentamento à violência contra meninas e mulheres e resposta ao câncer de mama, conhecemos e vivenciamos os desafios e barreiras que impedem a plena realização das mulheres. Por isso, encontramos no Prêmio Inspiradoras o caminho para contar e reconhecer histórias de pessoas reais que se dedicam a mudar realidades e a fazer do nosso país um lugar mais justo”, ressalta Daniela Grelin, diretora executiva do Instituto Avon.

FINALISTAS

A partir de outubro, o público poderá acompanhar em Universa a divulgação da lista das três finalistas por cada categoria, pré-selecionadas por uma comissão técnica formada por membros do Instituto Avon e de Universa.

A decisão final das vencedoras fica por conta de um corpo de jurados, formado por sete especialistas nas causas do Prêmio, um representante do Instituto Avon e outro, do UOL, além do voto popular (que terá peso um no cálculo do resultado). A votação para cada categoria será liberada no momento em que as finalistas forem anunciadas por meio de conteúdos em Universa.

Na escolha do júri, serão analisados critérios como a inovação na transformação social, a relevância das iniciativas destas mulheres e o impacto de seu trabalho.

O Prêmio Inspiradoras ainda fará uma menção honrosa a uma mulher de destaque por seu trabalho no enfrentamento à pandemia do novo coronavírus. A homenageada, no entanto, será escolhida exclusivamente pela comissão organizadora do Prêmio.

Além disso, por conta dos “21 Dias de Ativismo para o enfrentamento a violência”, Universa ainda promove em novembro um total de sete lives com as finalistas do prêmio, com transmissão pelo seu canal no Youtube. Os encontros ao vivo estão previstos para os dias 2, 4, 9, 11, 15, 16 e 17, quando público conhecerá mais sobre os trabalhos realizados por essas líderes femininas. 

EVENTO DE PREMIAÇÃO

Os nomes das vencedoras serão revelados em um evento no dia 23 de novembro. Planejado para acontecer em formato híbrido – com o mínimo de participantes reunidas em um só lugar, o evento terá transmissão ao público pelos canais de Universa no Facebook, Youtube e Twitter

Artigo anteriorCNN Brasil: O programa de estreia de William Waack discute “Os Rumos do Brasil”
Próximo artigoSamsung, Juliette e TikTok: uma nova era dos lançamentos da marca
Editor Executivo do Portal CidadeMarketing.com.br > Mestre em Comunicação e Sociedade pela Universidade Federal de Sergipe. Possui MBA Executivo em Administração com ênfase em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas - Rio de Janeiro. Consultor, Palestrante e Pesquisador sobre Empreendedorismo, Marketing, Redes Sociais e Negócios Digitais. Professor, Palestrante TedxTalks e Campus Party.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui