Início Notícias Citroën cresce 43% em vendas no acumulado do ano e registra em...

Citroën cresce 43% em vendas no acumulado do ano e registra em julho sua melhor participação de mercado em 2021 no Brasil

Com 11.687 veículos vendidos no acumulado do ano, a Marca cresce 43% no mercado brasileiro

258
0
Divulgação

No acumulado de janeiro a julho desse ano a Citroën comercializou 11.687 veículos, um crescimento de 43% em volume de vendas quando comparado ao mesmo período do ano passado, além de uma participação de mercado também superior ao mesmo período. Um crescimento muito acima do registrado pelo mercado brasileiro, que foi de 26% nos sete primeiros meses do ano. 

O multipremiado SUV C4 Cactus se destacou em seu segmento. Com 2.285 unidades vendidas, o utilitário esportivo da Citroën conquistou uma participação de 7,5% em seu segmento no mês de julho. No acumulado do ano, o C4 Cactus atingiu a marca de 9.587 unidades comercializadas, um crescimento de 61% frente ao mesmo período do ano passado, o que mostra que o SUV mantém a consistência no crescimento das suas vendas. Durante esse mesmo período, seu segmento registrou um crescimento de 50%. Em julho, o modelo também conquistou a 22ª colocação no ranking dos veículos mais vendidos do país.

Entre os VULs (Veículos Utilitários Leves), o destaque da Marca foi a gama Citroën JUMPY, com 229 unidades comercializada em julho. No acumulado de 2021, a linha JUMPY, com suas versões FURGÃO PACK, VITRÉ e MINIBUS, já vendeu 1.666 unidades no mercado brasileiro.

“A nossa estratégia comercial, tanto com o SUV C4 Cactus como com a nossa gama de veículos utilitários leves, com as famílias JUMPY e JUMPER, segue apresentando resultados significativos, consolidando o nosso crescimento. Em julho, alcançamos 1,6% de participação de mercado e estamos crescendo 43% em vendas no acumulado de 2021 em um mercado que cresce 26%. O engajamento da nossa rede de concessionários tem sido fundamental e as ações comerciais que realizamos juntos em julho contribuíram muito para esses excelentes resultados”, comentou Edgard Alexandrino, Diretor Comercial da Citroën Brasil.

Artigo anteriorVitat, heatlhtech da Drogasil, escolhe a Jotacom como nova agência
Próximo artigoKantar: aumenta a preocupação com escassez e segurança alimentares e cai a revisão de itens como calorias, açúcar e gordura nos rótulos
Editor Executivo do Portal CidadeMarketing.com.br > Mestre em Comunicação e Sociedade pela Universidade Federal de Sergipe. Possui MBA Executivo em Administração com ênfase em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas - Rio de Janeiro. Consultor, Palestrante e Pesquisador sobre Empreendedorismo, Marketing, Redes Sociais e Negócios Digitais. Professor, Palestrante TedxTalks e Campus Party.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui