Início Notícias Faculdade Cultura Inglesa abre inscrições para professores se especializarem em inglês

Faculdade Cultura Inglesa abre inscrições para professores se especializarem em inglês

Mercado oferece inúmeras possibilidades de atuação para profissionais com extensão curricular, bacharelado ou licenciatura na área

363
0

A procura por aulas de inglês só se faz crescer em meio a um mundo globalizado e hiperconectado. Num país onde, de acordo com pesquisa do British Council e do Instituto de Pesquisa Data Popular publicada em 2019, apenas 5% da população do país fala o idioma e somente 1% é fluente, é natural o interesse crescente por cursos especializados no ensino da segunda língua mais falada do mundo.

Os planos de morar fora também contribuem para esse movimento. Segundo informações do Departamento de Imigração Norte-americano, o número total de pedidos por um visto de trabalho nos Estados Unidos realizados por trabalhadores brasileiros considerados prioritários e de alta qualificação (caso de cientistas, atletas ou altos executivos) chegou a 3.387 em 2020 – um aumento de 10,5% em relação a 2019, sendo o maior patamar nos últimos dez anos. Além disso, com a consolidação do modelo de trabalho remoto ou home office, companhias estrangeiras passaram a contratar profissionais brasileiros para trabalhar à distância, e o inglês é um critério de seleção.

Nesse contexto, se por um lado cresce o número de estudantes que desejam aprender o idioma, também aumenta o interesse de profissionais dispostos a ensiná-lo. Foi para suprir essa demanda que a Faculdade Cultura Inglesa nasceu em 2014, tendo como proposta oferecer formação especializada para profissionais do ensino da língua inglesa, por meio de cursos de extensão, bacharelado e licenciatura na área.

“Identificamos uma lacuna de mercado, onde profissionais de diversas áreas, formados e não formados, que dominam o idioma ou almejam trabalhar com o ensino de línguas, não se sentem tecnicamente preparados para lecionar o inglês e têm a necessidade de se desenvolver pedagogicamente antes de entrar numa sala de aula”, afirma Marcelo Dalpino, Gerente Acadêmico Sênior da Faculdade Cultura Inglesa.

A Faculdade Cultura Inglesa conta com um time de excelência acadêmica, formado por mestres e doutores, e conta com as notas máximas na avaliação aplicada pelo Ministério da Educação (MEC) e no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade). Para otimizar a aprendizagem, as aulas são lecionadas inteiramente em inglês a partir da segunda metade de cada curso ofertado pela faculdade. A instituição ainda oferece a possibilidade de estágio nas unidades da rede de ensino de inglês e a participação gratuita em eventos culturais promovidos pela marca.

A professora Cristiane Pereira, que concluiu seu curso de licenciatura na Faculdade Cultura Inglesa em 2020, conta que a formação abriu caminho para atuar em diferentes frentes do mercado. “Eu descobri que o mundo do ensino de inglês oferece infinitas possibilidades. Hoje eu posso dar aulas particulares ou aulas em escolas especializadas em idiomas, lecionar em escolas públicas municipais, estaduais ou federais, além de trabalhar com todos perfis de estudantes”, afirma.

Já Lucas José Montenegro dos Santos, que fez bacharelado em tradução pela instituição e hoje atua profissionalmente na área, diz que o curso ampliou seus horizontes para exercer o ofício de tradutor. “Você aprende a interpretar e revisar textos, além de escrevê-los com estilo e coerência. A minha escrita evoluiu e eu ainda abri a cabeça para literaturas que não consumia. Isso tudo impacta na qualidade do trabalho de tradução”, explica.

Tendo em vista apoiar professores da rede pública de ensino nesse momento de aulas remotas e híbridas, a Faculdade Cultura Inglesa oferece três cursos de extensão gratuitos e de curta duração, realizados pela internet: “Gamificação em Sala de Aula”, “Teaching Online” e “Educação Inclusiva – Sala de Aula para Todos”. A instituição também oferece uma extensa lista de cursos pagos, tais como “Ensino da Língua Inglesa na BNCC: Dos Conceitos à Sala de Aula”, com encontros síncronos e assíncronos, e “Desvendando a Educação Bilíngue no Brasil: Do Entender ao Fazer”, que é 100% remoto. Nesses casos, a faculdade trabalha com opções de desconto – 30% para professores de escola pública e 30% para membros da BRAZ-TESOL.

A Faculdade Cultura Inglesa também disponibiliza mais dois cursos no formato 100% remoto para este segundo semestre: o curso “Licenciatura em Letras – Inglês”, que forma professores para lecionar em escolas regulares ou redes de ensino do idioma, e o “Bacharelado em Tradução – Inglês”, que explora técnicas e conhecimentos para o trabalho de tradutor, seja como profissional freelancer ou para atuar dentro de empresas.

Os interessados em prestar vestibular para um dos cursos da Faculdade Cultura Inglesa devem se inscrever diretamente pelo site da instituição e realizar a prova online até o dia 15 de agosto. A Faculdade também oferece vagas remanescentes para quem já concluiu a graduação – nesse caso, o aluno não precisa se inscrever para o processo seletivo e a matrícula para qualquer um dos cursos oferecidos é realizada automaticamente via secretaria. Ainda é possível ingressar na instituição por meio da prova do Enem – a nota mínima é de 450 e serão considerados somente os resultados dos exames realizados nos últimos três anos.

Artigo anteriorAramis lança campanha de Dia dos Pais com o ator Jayme Matarazzo
Próximo artigoVivo cria campanha que mostra como a tecnologia potencializa as relações de afeto e admiração entre um pai e uma filha
Editor Executivo do Portal CidadeMarketing.com.br > Mestre em Comunicação e Sociedade pela Universidade Federal de Sergipe. Possui MBA Executivo em Administração com ênfase em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas - Rio de Janeiro. Consultor, Palestrante e Pesquisador sobre Empreendedorismo, Marketing, Redes Sociais e Negócios Digitais. Professor, Palestrante TedxTalks e Campus Party.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui