Início Notícias As vendas mundiais do Renault Group estão em alta de 18,7% no...

As vendas mundiais do Renault Group estão em alta de 18,7% no primeiro semestre de 2021, em comparação com 2020

A marca Dacia registrou um crescimento de 24,5% graças à renovação da gama, impulsionada pelo novo Sandero, o veículo líder em vendas de varejo na Europa.

234
0

Em um contexto ainda perturbado pela pandemia da COVID-19, o Renault Group vendeu 1.422.600 veículos no 1º semestre de 2021, em alta de 18,7% em comparação com 2020, mas em retração de 24,2% em comparação com o 1º semestre de 2019. 

O Grupo manteve uma política comercial seletiva durante todo o primeiro semestre, favorecendo o crescimento com volumes rentáveis em seus diferentes mercados de atuação.

Marca Renault 
A marca Renault vendeu 901.500 veículos no mundo, em alta de 18,5% em comparação com o 1º semestre de 2020. Há uma retomada do crescimento em todos os países-chave. A participação das vendas na Europa ficou em 59%. Nos cinco principais países europeus (França, Alemanha, Espanha, Itália e Reino Unido), a participação das vendas de varejo agora representam 40%, representando um crescimento de 2 pontos percentuais em comparação a 2019, no período pré-crise.

Na Europa, a marca Renault vendeu 532.161 veículos (+13,2%), representando uma participação de mercado de 7%. Esta performance foi estimulada pelo forte crescimento das vendas de veículos de passeio elétricos e eletrificados E-TECH (91.869 veículos, uma alta de +149%). Com quase 20.000 pedidos em três meses de comercialização, o Arkana permite um retorno bem-sucedido ao segmento C. Em um mercado de veículos comerciais leves que cresceu 42,3%, a Renault aumentou sua participação de mercado em 0,4 ponto percentual, para 14,4%.

Nos países-chave fora da Europa, a marca Renault está recuperando o crescimento graças aos lançamentos bem-sucedidos do Kiger na Índia (+ 86,6%) e do Duster na Rússia (+36%), bem como na América Latina, incluindo o Brasil, que teve um crescimento de 15,9%.

Marcas Dacia e Lada
A marca Dacia vendeu 262.814 veículos (+24,5%), impulsionada pelo sucesso do Novo Sandero, o veículo mais vendido no varejo na Europa. O Dacia Spring, o veículo elétrico acessível, está tendo um forte lançamento – são mais de 15.000 pedidos com entregas previstas no terceiro trimestre do ano. A Dacia continua renovando toda sua gama de modelos: depois dos Novos Sandero e Logan no fim de 2020, o Novo Duster foi revelado em junho de 2021 e a marca apresentará seu novíssimo modelo polivalente de sete lugares voltado a um uso em família, no Salão do Automóvel de Munique em setembro. Na Rússia, a marca LADA vendeu 200.219 veículos (+51%), fortalecendo seu primeiro lugar com 23% de participação de mercado, o melhor resultado destes últimos dez anos. Quatro modelos LADA estão no top 10 das vendas na Rússia: o Granta ocupa o primeiro lugar (72.287 veículos), o Vesta está em segundo (57.031 veículos), o NIVA – incluindo a nova versão Travel – e o novo Largus, lançado em março

Artigo anteriorColaboração entre The LYCRA Company e HeiQ visa buscar inovações no setor têxtil
Próximo artigoFord: Donos Do Novo Mustang Mach 1 São Surpreendidos Com Experiência Em Interlagos
Editor Executivo do Portal CidadeMarketing.com.br > Mestre em Comunicação e Sociedade pela Universidade Federal de Sergipe. Possui MBA Executivo em Administração com ênfase em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas - Rio de Janeiro. Consultor, Palestrante e Pesquisador sobre Empreendedorismo, Marketing, Redes Sociais e Negócios Digitais. Professor, Palestrante TedxTalks e Campus Party.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui