Início Notícias 1ª Bienal Virtual do Livro de São Paulo começa segunda-feira, dia 7...

1ª Bienal Virtual do Livro de São Paulo começa segunda-feira, dia 7 de dezembro

Com uma plataforma digital dedicada, a organização espera receber 1 milhão de pessoas em uma semana de evento

413
0

A Câmara Brasileira do Livro (CBL) vai realizar a 1ª Bienal Virtual do Livro de São Paulo, de 7 a 13 de dezembro de 2020. Com o tema Conectando Pessoas e Livros, o evento acontecerá pelo portal www.bienalvirtualsp.org.br que dará acesso gratuito a toda programação e novidades do mercado editorial. Com mais de 100 expositores e 330 autores confirmados, o evento contará com uma grade intensa de programação, venda de livros, além de rodadas de negócios.

O primeiro grande evento virtual do segmento possibilitará o encontro de leitores, escritores e profissionais do mercado editorial de qualquer lugar do mundo. Segundo Vitor Tavares, presidente da CBL, o evento virtual está mais do que nunca democrático, diverso e multicultural.

“Pela primeira vez, pessoas de todos os lugares do Brasil e do mundo poderão participar dessa grande festa, conhecendo as novidades, fazendo bons negócios e aproveitando as palestras que jamais estariam disponíveis de outra forma. Nossa expectativa é receber mais de 1 milhão de visitantes on-line”, destaca Vitor Tavares. Na edição passada, o evento presencial contou com um público de 663 mil pessoas.

O ambiente virtual também vai possibilitar que o público assista a todas as palestras por mais tempo. O portal fica no ar até 13 de janeiro e não há necessidade de cadastro para assistir aos debates e visitar as salas dos expositores.

A Bienal Virtual levará para o ambiente digital seus espaços culturais, como o Salão de Ideias, Papo de Mercado e Arena Virtual. Ambos os espaços irão reunir autores e profissionais do mercado editorial em discussões com temas variados como racismo, empoderamento feminino, comportamento e espiritualidade.  Nomes como Verônica Oliveira, Mauricio de Sousa, Raphael Montes, Nara Bueno, Claudia Raia, Isabela Freitas, Leandro Karnal, Monja Cohen e Mário Sergio Cortella compõem os mais de 70 bate-papos previstos na programação do espaço Arena Virtual. 

No Salão de Ideias, haverá discussões de amplo interesse com escritores, pensadores e profissionais do mercado. Entre os autores estrangeiros, estão confirmados Sarah MacLean, Scarlett Peckham, Nic Stone e Gavin Roy.

A Bienal também trará lives dedicadas aos centenários de Clarice Lispector e da obra de Agatha Christie. Quatro mesas abordarão obra e vida de Clarice e a percepção de sua literatura hoje em dia. Já o estilo romance policial de Agatha Christie será discutido como ainda hoje influencia a literatura do gênero, mesmo 100 anos após a publicação de seu primeiro livro, “O Misterioso Caso de Styles”.

Para coordenar a programação cultural do espaço Arena Virtual, a CBL convidou Diana Passy, criadora da FLIPOP, primeiro festival literário voltado para o público jovem do Brasil.

Os profissionais do mundo editorial também terão espaço garantido nas discussões que farão parte do Papo de Mercado. Tendências, perspectivas e novidades do mercado e da indústria cultural poderão ser acompanhadas por editores e autores.

O público infanto-juvenil não ficará de fora da 1ª Bienal Virtual. O Espaço Mauricio de Sousa contará com palestras sobre livros e temas específicos para o público.

Durante o evento, acontecerá também a 2ª edição da Jornada Profissional, com rodadas de negócios entre players nacionais e internacionais. Esses encontros também promovem discussões sobre os panoramas atuais do setor e as perspectivas para o mercado editorial mundial.


As rodadas de negócios serão exclusivas para empresas apoiadas pelo Brazilian Publishers, projeto de internacionalização de conteúdo editorial brasileiro realizado por meio de uma parceria entre a CBL e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). A Jornada Profissional contará com 30 compradores internacionais previamente selecionados. As mesas e discussões serão abertas e poderão ser acompanhadas por todos os interessados.


A Bienal Virtual do Livro de SP tem o Pólen®, um produto Suzano, como patrocinador do evento.”Estamos muito felizes com mais essa parceria que apoiou a Bienal do Livro física por três edições e, neste ano, está patrocinando a 1ª Bienal Virtual do Livro de SP.”, afirma Vitor Tavares.

Loja virtual

Além das lives e palestras, o público terá acesso às lojas virtuais de cada editora participante, como Rocco, Novo Século, Livraria e Distribuidora Loyola, Grupo Autêntica, Madras, Trilha Educacional, Edições Loyola, Aleph, Papirus, FTD, Panini, Ave Maria, Cia das Letras, Editora Globo. Pelo site, os visitantes podem conferir os lançamentos de seus autores favoritos e possíveis promoções.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui