Início Notícias Uninove demite professores via “pop up” e investe em live com Padre...

Uninove demite professores via “pop up” e investe em live com Padre Fábio de Melo e Gabriel Chalita

917
0
Reprodução/Plataforma Online

Professores da Universidade Nove de Julho (Uninove) com sede em São Paulo, foram surpreendidos no início da semana, 22/06, com um comunicado online de demissão que surgiu via “pop up” na plataforma digital usada para ministrar aulas. O aviso comunicava que o docente estava dispensado “de prestar serviço a esta empresa sem obrigatoriedade inclusive do cumprimento do aviso prévio previsto em lei” A nota cita que os professores devem comparecer à unidade Vergueiro para entregar crachá, cartão de acesso, do estacionamento e carteirinha de plano de saúde. Os docentes foram demitidos sem aviso prévio, sem apresentação de motivos para cada caso e sem contato pessoal. A Uninove reforça como prazo de dois dias úteis para que também sejam devolvidos qualquer equipamento, como computadores e celulares. A não devolução está sujeita a “desconto nas verbas rescisórias”. Até o momento não está confirmado quantos professores foram afetados pelos cortes.

Nas redes sociais, alunos se demonstraram indignados com atitude da instituição. O sindicato comunicou que aguarda uma reunião com a Uninove, mas entrou com um pedido liminar na Justiça do Trabalho para realizar uma audiência de conciliação e tentar rever as demissões. Alunos da instituição criaram um abaixo-assinado pedindo o retorno dos professores. 

SinproSP

O Sindicato dos Professores de São Paulo protocolou no Tribunal Regional do Trabalho, dia 23 de junho, dissídio coletivo solicitando a anulação, em caráter liminar, das mais demissões de 300 demissões de professores na Uninove. Os advogados do Sindicato pedem também a mediação do Tribunal para buscar uma solução em tempo hábil.

Apesar de ter sido facilitada pela reforma trabalhista de 2017, a demissão em massa, como a que a Uninove acabou de promover, tem enorme impacto social. O fato de ela ocorrer em meio à pandemia e de a Mantenedora não ter manifestado nenhuma intenção de negociar ou amenizar o problema, agrava ainda mais a situação.

Para o SinproSP, a pandemia está sendo usada pela Uninove para acelerar o processo de reestruturação iniciada há alguns anos e baseada na redução da folha de pagamentos e maximização dos lucros.

Live com Padre Fábio de Melo para os acadêmicos

Em contrapartida, alunos foram orientados a assistir a live intitulada “fortaleça o seu interior e acredite em você”, uma espécie de palestra motivacional do padre Fabio de Melo, que foi transmitida no canal do YouTube da universidade na noite do mesmo dia. A instituição de ensino desativou o chat – mas, os acadêmicos manifestaram suas insatisfações nas redes sociais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui