Início Notícias Amarula participa do Elephant Parade 2018

Amarula participa do Elephant Parade 2018

A ativação acontece em parceria com a ONG Santuário dos Elefantes para chamar a atenção para maus tratos aos animais na América Latina

130
0
Divulgação

No dia 1º de novembro, o Rio de Janeiro será invadido pelos bebês elefantes da Elephant Parade 2018, maior exposição a céu aberto da cidade. Entre quase 60 esculturas, 7 elefantinhos se destacarão por um detalhe triste: estarão acorrentados. A ação foi desenvolvida pela agência Espalhe MSL para a marca Amarula, em parceria com a ONG Santuário de Elefantes, pretende chamar a atenção dos cariocas para a situação precária em que vivem diversos desses animais na América do Sul: aprisionados, maltratados, estressados.

“O problema dos elefantes atualmente não está no radar das pessoas. No mundo, a cada 15 minutos um elefante é morto pelo marfim e, no Brasil, muitos ainda vivem aprisionados. O objetivo desta ação é duplo: dar visibilidade para esta causa tão importante e apoiar o Santuário,  de quem somos parceiros, na arrecadação de fundos para resgatar elefantes e levá-los para a sede do projeto na Chapada

dos Guimarães”, diz Theo Leal, Gerente de Marketing da Distell na América Latina.

Segundo informações da ONG, em torno de 50 elefantes permanecem em cativeiro de forma precária na América do Sul.  São animais usados nos circos e moradores de zoológicos, locais onde ficam acorrentados ou expostos em espaços muito pequenos para o seu tamanho e sua necessidade de movimentação.

Ao final da Elephant Parade, as sete obras patrocinadas por Amarula serão leiloadas e o dinheiro arrecadado será destinado ao Santuário, para ajudar no resgate de mais elefantes.

Como participar

Com a intervenção, Amarula reforça o compromisso global com a preservação dos elefantes e convida o público a divulgar a causa em suas redes sociais compartilhando fotos das obras. “A cada 15 minutos perdemos um elefante no mundo e em 20 anos eles podem ser extintos. Abra seu #CoraçãodeElefante e junte-se a esta causa” é um dos exemplos de mensagens que estarão expostas em placas junto às obras.

Entre os locais escolhidos para receber a intervenção estão o Pão de Açúcar, na Urca, Parque dos Patins e Parque das Taboas, na Lagoa, Avenida Vieira Souto, Avenida Atlântica, Leblon e Arcos da Lapa.

Artista                 Obra                                     Local                                                                    Bairro

Luca Ewbank Brenda Av. Pasteur, 520 – Bondinho Urca
Binho Ribeiro Jardineiro ao Entardecer Lagoa Rodrigo de Freitas – Parque dos Patins – Lagoa Lagoa
Rafael Mantesso Sunset Lagoa Rodrigo de Freitas – Parque das Taboas – Lagoa Lagoa
Guinr Âmago Aberto Av. Vieira Souto X Esquina com Joana Angelica Ipanema
Linda Valente Uma tarde de domingo Av, Atlântica,1702 – Quiosque Raibow – Copacabana Copacabana
Mariana Revelles Bob Carioca Av. Ataulfo de Paiva, 1228 – Leblon Leblon
Renan Cristian Saideira R. dos Arcos, 24 – Lapa Lapa

Amarula e a causa dos elefantes

A intervenção proposta por Amarula tem uma relação muito próxima com o compromisso global da marca pela preservação dos elefantes. Desde 2002, através do projeto Amarula Trust, ela se propõe a colaborar com entidades e projetos de preservação dos elefantes pelo mundo. No Brasil, a marca adaptou a sua plataforma global para que ela tivesse aderência com a realidade do país e pudesse mobilizar as pessoas pela causa.

“O principal desafio foi materializar a plataforma global e suas iniciativas pela preservação dos elefantes para ter aderência à realidade brasileira. Como a principal ameaça por aqui não está relacionada à caça do marfim, passamos a apoiar o Santuário de Elefantes no resgate destes animais que sofrem maus tratos em circos e zoológicos. Queremos ajudá-los a viver mais próximos da natureza, em condições melhores”, afirma Theo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here