Início Notícias B3 inicia primeiro ETF focado em índice ligado a mulheres na liderança

B3 inicia primeiro ETF focado em índice ligado a mulheres na liderança

Atualmente, em parceria com instituições do mercado, como S&P Dow Jones e Great Place to Work, a B3 disponibiliza 8 índices ESG.

236
0
Créditos: Cauê Diniz


Investidores atentos às boas práticas de diversidade nas empresas ganham mais uma opção de diversificação, ancorada agora na promoção de mais mulheres em cargos de liderança dentro das companhias. A cerimônia de toque de campainha realizada ontem (8), na B3, marcou o início das negociações do SAFRAETFELAS. As cotas do fundo podem ser negociadas por meio do ticker ELAS11.

Gerido pelo Safra Asset, o fundo tem como referência o índice Teva Mulheres na Liderança, que acompanha a performance de empresas com políticas notáveis de diversidade de mulheres em cargos de diretoria, conselho e comitês. A base analisada pelo índice é composta por 342 empresas listadas e negociadas no Brasil, sendo que as 50% melhor avaliadas passam a compor a carteira. São 150 mil cargos avaliados por recorte de gênero, com um histórico de cinco anos de acompanhamento.

Apesar do rebalanceamento trimestral, a análise é feita mensalmente para acompanhar os resultados da adoção de políticas de igualdade de gênero, levando em conta a participação de mulheres em cargos de liderança nas mais de 8 mil posições avaliadas como critério para compor o score das empresas.

“A B3 é uma das empresas com maior peso no índice, com 9,9% do peso teórico do indicador. Possuímos práticas ESG estruturadas para aumentarmos a diversidade dentro da companhia. Em 2021, fomos a primeira bolsa de valores do mundo a emitir um Sustentability Linked Bond (SLB), no valor de R$ 700 milhões, nos comprometendo a atingir 35% de representatividade de mulheres em cargos de liderança até 2026 e com a criação de um índice de diversidade para o mercado brasileiro, como forma de estimular boas práticas de mercado. Além disso, em 2020, fomos reconhecidos pelo WOB (Women on Board) pelo nosso compromisso com a pauta de mulheres no conselho, sendo que hoje elas representam 27% do nosso conselho de administração.“ explica Flavia Mouta, Diretora de Emissores na B3.

Atualmente, em parceria com instituições do mercado, como S&P Dow Jones e Great Place to Work, a B3 disponibiliza 8 índices ESG. Entre os destaques está o ISE B3, que, desde 2005, serve de aliado na análise do comprometimento das empresas com as melhores práticas de gestão e sustentabilidade. Além dos índices, também são negociados na bolsa do Brasil 5 ETFs ESG, incluindo o ELAS11.

O Exchange Traded Fund (ETF) é um produto que tem sua performance referenciada em um índice, acompanhando assim o desempenho de diversas empresas através de um único produto. O produto é negociado de forma similar ao investimento em ações. Os investidores devem adquirir os produtos que mais se alinham a sua estratégia e perfil, levando em consideração que o ETF possibilita uma maior diversificação através de uma única operação.

Artigo anteriorPelo Tiktok, Burger King atende pedidos do BK Delivery
Próximo artigoEmpreendedorismo Digital: Bossanova Investimentos alcança a marca de 1000 startups aportadas 
Editor Executivo do Portal CidadeMarketing.com.br > Mestre em Comunicação e Sociedade pela Universidade Federal de Sergipe. Possui MBA Executivo em Administração com ênfase em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas - Rio de Janeiro. Consultor, Palestrante e Pesquisador sobre Empreendedorismo, Marketing, Redes Sociais e Negócios Digitais. Professor, Palestrante TedxTalks e Campus Party. Twitter: @ThalesBrandao

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui