Início Notícias Pfizer e AMIB promovem uso consciente de antibióticos em ação inusitada

Pfizer e AMIB promovem uso consciente de antibióticos em ação inusitada

Com intervenções urbanas em São Paulo e Brasília, trabalho de comunicação criado e desenvolvido pela CDN acontece até o próximo dia 24 de novembro e tem reforço de influenciadores nos meios digitais

249
0

Para incentivar boas práticas que ajudam na prevenção e no combate à resistência bacteriana, a Pfizer Brasil e a Associação de Medicina Intensiva Brasileira (AMIB) irão mostrar como a sociedade tem “O Poder Na Palma da Mão” em duas intervenções urbanas que acontecerão em São Paulo e em Brasília no mês de novembro.

Criada e desenvolvida pela CDN, a ação acontece durante a Semana Mundial do Uso Consciente de Antibióticos, de 18 a 24 deste mês, com a ocupação da avenida Paulista por bactérias gigantes, entre a rua da Consolação e a avenida Brigadeiro Luís Antônio. De forma educativa, os infláveis estão instalados sobre dez bancas de jornal.

Já entre hoje e domingo, 19 a 21 de novembro, as bactérias multirresistentes desembarcarão no Pontão do Lago Sul, em Brasília. No local, uma cortina d’água será palco de uma projeção educativa de luzes, sons e cores para chamar a atenção do público sobre o uso consciente de antibióticos. A projeção poderá ser acompanhada pelos visitantes a partir do entardecer.

Em ambas as cidades, as intervenções ainda terão painéis informativos, alertando sobre a resistência bacteriana e redirecionando o público para o hotsite da campanha. Além disso, os influenciadores digitais @vitordicastro e @schjefferson ampliam a conscientização por meio de posts, stories e reels. Nos canais da @pfizer.brasil,  é possível acompanhar a programação e usar um filtro especial.

“A proposta da ação é convidar as pessoas de um jeito lúdico para uma conversa séria e real sobre a resistência bacteriana e o uso consciente de antibióticos. Ao mesmo temo, é uma iniciativa que evidencia a capacidade da marca de se fazer presente no dia a dia dos brasileiros nas mais diversas plataformas e contextos, seja por meio de produtos, serviços ou mensagens de prevenção e boas práticas em favor da saúde”, ressalta Luana Raggio, diretora da CDN. 

Artigo anteriorBlack Friday Havan: Tirullipa rouba a cena com a “Tirugirl” e central de memes bomba durante transmissão ao vivo
Próximo artigoNatal terá presentes Havanna e sorteio de três automóveis 0km no JundiaíShopping
Editor Executivo do Portal CidadeMarketing.com.br > Mestre em Comunicação e Sociedade pela Universidade Federal de Sergipe. Possui MBA Executivo em Administração com ênfase em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas - Rio de Janeiro. Consultor, Palestrante e Pesquisador sobre Empreendedorismo, Marketing, Redes Sociais e Negócios Digitais. Professor, Palestrante TedxTalks e Campus Party.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui