Início Notícias Digital Colaboradores do LinkedIn terão sextas-feiras mais curtas em julho e agosto

Colaboradores do LinkedIn terão sextas-feiras mais curtas em julho e agosto

Ação faz parte de iniciativa voltada para a saúde mental das equipes

222
0
Divulgação

O LinkedIn, maior rede social profissional do mundo, acaba de anunciar mais uma ação para cuidar da saúde mental dos funcionários. Nos meses de julho e agosto, todos os funcionários do Brasil e do mundo trabalharão somente metade do experiente nas sextas-feiras. 

Esta é mais uma iniciativa do programa LiftUp!, desenhada para dar suporte às equipes neste período de trabalho remoto. Além de workshops voltados para o autocuidado e gerenciamento do dia a dia, a empresa oferece dias sem reunião para que todos possam focar nas entregas, horários flexíveis, uma licença remunerada de um mês para ajudar no cuidado de filhos menores de 13 anos ou familiares idosos, além de uma semana de folga dada para todos os funcionários em abril.  

Alguns benefícios também foram repensados. As sessões de terapia estão sendo disponibilizadas virtualmente com a possibilidade de membros da família também usufruírem desse benefício (sem limite). Antes da pandemia, os funcionários tinham direito a até 20 sessões por ano. 

Artigo anteriorNuk apresenta nova linha Disney com Dumbo e Bambi
Próximo artigoAssaí apresenta promoção para pagamentos com vale-alimentação em suas lojas
Editor Executivo do Portal CidadeMarketing.com.br > Mestre em Comunicação e Sociedade pela Universidade Federal de Sergipe. Possui MBA Executivo em Administração com ênfase em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas - Rio de Janeiro. Consultor, Palestrante e Pesquisador sobre Empreendedorismo, Marketing, Redes Sociais e Negócios Digitais. Professor, Palestrante TedxTalks e Campus Party.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui