Início Notícias TV Brasil na quarta (17): Ator Mateus Solano debate crise sanitária no...

TV Brasil na quarta (17): Ator Mateus Solano debate crise sanitária no RJ e explica o movimento Sanita Rio

345
0
Divulgação

No Sem Censura que a TV Brasil transmite ao vivo às 14h de quarta-feira, dia 17, o apresentador Bruno Barros recebe o ator Mateus Solano, ativista de movimento que joga luz sobre a crise sanitária pela qual o Estado do Rio de Janeiro passa.

No mês que celebrou o Dia Mundial do Meio Ambiente (5 de junho), especialistas e ativistas decidiram chamar a atenção da sociedade para a crescente degradação ambiental e ausência de políticas sanitárias satisfatórias no Rio de Janeiro. O grupo tem a participação do ator Mateus Solano e lançou o movimento Sanita Rio, que revê essa causa antiga no Estado: os entraves no saneamento remontam ao movimento sanitário da primeira metade do séc. XIX, quando a cólera assolava a população.

O ator conversa sobre as pautas principais do Sanita Rio, que incluem rever o emaranhado institucional ligado ao setor, a legislação que o regulamenta, propor modelos de negócio e políticas tarifárias específicas, combater a chamada “insegurança hídrica” e a ineficiência operacional que atinge o saneamento, cobrar a universalização dos serviços sanitários e levar soluções para comunidades isoladas e favelas.

Nas redes sociais, o ator tem defendido que “a causa é urgente e civilizatória” e busca “levar o maior número de cariocas à discussão e inserir na agenda eleitoral um protagonismo do município na solução do saneamento.”

Um dos mais tradicionais “talk shows” da televisão brasileira (no ar desde 1985), o Sem Censura é exibido pela TV Brasil de segunda a sexta, ao vivo, às 14h. O programa recebe convidados para um bate-papo sobre saúde, meio ambiente, segurança, tecnologia, comportamento ou outros temas da atualidade.

Com edições especiais sobre a pandemia da Covid-19, o Sem Censura conta com jornalistas no Rio de Janeiro, Brasília e São Paulo, que trazem as notícias do dia. Outros profissionais de veículos da Empresa Brasil de Comunicação, como Agência Brasil e Rádio Nacional, comentam essas pautas.

Pioneiro na interação com o público já nos anos 1980, o Sem Censura garante esse contato hoje por meio da hashtag #semcensura no Twitter, Instagram e Facebook. O público participa com mensagens de texto por WhatsApp, para o número (21) 99903-5329.

Serviço:

Sem Censura: ator Mateus Solano

AO VIVO

Quarta-feira, 17 de junho, às 14h, na TV Brasil.

—–

Documentário revela belezas e mistérios do litoral mexicano, na TV Brasil

Na noite de quarta-feira (17), a série inédita A Praia Viva revela as maravilhas da Península de Yuacatán, no México. Nesse terceiro episódio, que a TV Brasil exibe às 20h30, o documentário percorre as praias de Cancún e a paradisíaca Isla Mujeres, ilha que é ponto de desova das tartarugas marinhas.

O programa traz novas informações e imagens das tartarugas marinhas e do grupo de biólogos e ativistas que atuam pela preservação da espécie. Revela, ainda, a crescente quantidade de sargaço, alga que tem tomado as águas e se acumulado nas areias de Cancún, e os hábitos de um animal típico da península: a iguana.

A Praia Viva aborda não apenas aspectos da fauna e flora locais, mas a herança e os símbolos culturais mexicanos, alguns dos quais remontam à civilização maia. A mitologia da Península de Yucatán tem em Ixchel, a Mãe Terra, uma figura protetora, relacionada à fertilidade e cura.

Em seis episódios de 50 minutos, a série — do canal canadense Love Nature — viaja por diferentes paisagens litorâneas e revela os ecossistemas dessas orlas surpreendentes. Destaca também a beleza de algumas das praias mais impressionantes do planeta e suas características únicas.

Nos demais episódios, a série visita praias estadunidenses na Flórida, no arquipélago do Havaí e na Califórnia. Viaja também à Ilha de Fraser, na costa de Queensland (Austrália) e investiga o litoral da província de Nova Escócia (Canadá).

Serviço:

A Praia Viva: Península de Yuacatán, México

INÉDITO

Quarta-feira, 17 de junho, às 20h30 e à 0h30, na TV Brasil.

—–

TV Brasil revela o acervo e os espaços do Museu da Vida, polo de cultura no Rio de Janeiro

O Conhecendo Museus inédito que a TV Brasil exibe às 7h15 de quarta-feira, dia 17, visita o Museu da Vida, espaço de integração entre ciência, cultura e sociedade e tem o objetivo de educar e informar de forma lúdica e criativa.

Inaugurado em 25 de maio de 1999, o Museu da Vida — da Fundação Oswaldo Cruz — funciona como um polo de lazer e educação. O espaço cultural permite ao público compreender os avanços científicos e seus impactos no cotidiano. A iniciativa, da Casa de Oswaldo Cruz, amplia a participação popular em questões ligadas à saúde, ciência e tecnologia.

Localizada em uma área de 35 mil metros quadros no bairro de Manguinhos, no Rio de Janeiro, o Museu está distribuído em espaços do Campos da Fiocruz, começando pela “estação trem”, que leva o visitante a conhecer o Castelo Mourisco, o Borboletário, a Tenda da Ciência Virgínia Schall, o Epidaurinho, o Parque da Ciência e a Pirâmide.

O Museu da Vida se dedica à coleta e preservação de peças museológicas e acervo bibliográfico. Cerca de 2,1 mil itens museológicos compõem o acervo de objetos, que inclui itens pessoais de pesquisadores da Fundação Oswaldo Cruz. História, memória e preservação são palavras-chave desse trabalho.

Os espaços possuem exposições de longa duração, que abordam biodiversidade, evolução, energia, arte, ciência, percepção sensorial, óptica, história da ciência, entre outros temas.

Sobre o Conhecendo Museus

Em nova temporada, o Conhecendo Museus apresenta o trabalho e o espaço de instituições culturais de todo o país. Produção da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) em parceria com a Fundação José de Paiva Netto (FJPN) e o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), a série traz 20 episódios inéditos que vão ao ar na TV Brasil de segunda a sexta, às 7h15.

Entre os espaços visitados estão o Museu da Rapadura, na Paraíba; o Museu do Calçado, no Rio Grande do Sul; o Espaço Ciência, em Pernambuco; os Museus da Imagem e do Som, de São Paulo e do Rio de Janeiro, e os Museus da Vida e do Amanhã, também no Rio de Janeiro.

Ao manter a fórmula original das temporadas anteriores, em que a câmera do Conhecendo Museus guia o telespectador, a série apresenta edições cada vez mais dinâmicas, visualmente atraentes e que geram conhecimento. Sempre conduzidos por um especialista, os episódios dão vida aos museus e aos acervos brasileiros, revelados ao público pelo depoimento de profissionais que atuam nesses espaços culturais.

Serviço:

Conhecendo Museus – Museu da Vida (Rio de Janeiro)

INÉDITO

Quarta-feira, 17 de junho, às 7h15, na TV Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui