Início Notícias Coronavírus: Apple faz doação de dois milhões de máscaras para profissionais de...

Coronavírus: Apple faz doação de dois milhões de máscaras para profissionais de saúde

580
0
Divulgação

A Apple doa 2 milhões de máscaras para profissionais de saúde nos EUA e na Europa.

O CEO da Apple, Tim Cook, confirmou a notícia no microblog Twitter.

A empresa também fechou temporariamente todas as suas lojas e vai entregar U$ 15 milhões uma ajuda para recuperação mundial afetada pelo novo coronavírus.

O Tim Cooks escreveu uma carta falando sobre o posicionamento da marca:

“À família Apple em todo o mundo

A disseminação global do COVID-19 está afetando cada um de nós. Aqui na Apple, nós colocamos as pessoas em primeiro lugar e fazemos o que fazemos com a crença de que a tecnologia pode mudar vidas e com a esperança de que ela possa ser uma poderosa ferramenta em um momento como este. Os professores estão inovando para que aulas remotas sejam realidade. As empresas estão experimentando novas maneiras de se manterem produtivas. E especialistas médicos podem diagnosticar doenças e alcançar milhões de pessoas num piscar de olhos. Todos estamos nos adaptando e respondendo à nossa maneira e a Apple quer continuar a ter um papel ativo ajudando pessoas e comunidades a se tornarem mais fortes.Mas esse esforço global – para proteger os mais vulneráveis, estudar esse virus e cuidar dos doentes – requer todo nosso cuidado e toda nossa participação. E eu quero atualizar vocês sobre as iniciativas que estamos tomando para fazer a nossa parte.

Devolvendo

A Apple se compromete a fazer doações para enfrentar o COVID-19 no mundo – tanto ajudando a tratar aqueles que estão doentes quanto ajudando a diminuir os impactos econômicos e sociais da pandemia – que hoje chegam a US$15 milhões no mundo todo.Nós também estamos anunciando que vamos reforçar as doações de nossos colaboradores dobrando os valores para ajudar os esforços contra o COVID-19 local, nacional e  internacionalmente.

Em nossos escritórios e lojas

Antes de tudo, quero reconhecer a família da Apple na China. Embora a taxa de infectados tenha diminuído drasticamente, nós sabemos que os efeitos do COVID-19 ainda estão sendo fortemente sentidos. Eu quero expressar minha profunda gratidão para o nosso time na China, por sua determinação e comprometimento. A partir de hoje, todas nossas lojas na China foram reabertas. Eu também quero agradecer ao nosso time de operações e nossos parceiros por seus esforços notáveis para restaurar nossa cadeia de suprimentos. O que aprendemos juntos nos ajudou a desenvolver as melhores práticas que estão ajudando enormemente na elaboração das nossas iniciativas globaisUma dessas lições aprendidas é que a maneira mais eficaz de minimizar o risco de transmissão do vírus é reduzindo a concentração de pessoas e maximizando a distância social. À medida em que as taxas de novas infecções continuam a crescer em outros lugares, tomamos medidas extras para proteger nosso time e nossos clientes.Fecharemos todas as lojas de varejo fora da China até o dia 27 de março. Nós estamos comprometidos em fornecer um serviço excepcional aos nossos clientes. Nossas lojas online estão abertas no www.apple.com, ou pelo aplicativo Apple Store na App Store. Para serviços e suporte, os clientes podem visitar spport.apple.com. Quero agradecer às nossas extraordinárias equipes de lojistas por sua dedicação em enriquecer a vida de nossos clientes. Todos somos muito gratos a vocês.Em nosso escritórios no mundo todo, estamos adotando práticas de trabalho flexível. Isso significa que os membros da equipe devem trabalhar remotamente, se o trabalho permitir, e aqueles cujo trabalho exige que eles estejam presentes fisicamente devem seguir as orientações para maximizar a distância entre pessoas. A limpeza profunda e constante continuará em todos os locais. Em todos nossos escritórios, estamos lançando novos exames e verificações de temperatura. Todos os nossos funcionários continuarão recebendo pagamento normalmente. Expandimos nossas políticas de licenças para acomodar as circunstâncias de saúde pessoal ou familiar criadas pelo COVID-19 – incluindo a recuperação de doenças, o cuidado de um ente querido, a quarentena obrigatória ou os desafios de cuidar das crianças devido ao fechamento de escolas.

Para nossos clientes e parceiros

Sabemos que nossos clientes dependem dos produtos da Apple o tempo todo, especialmente em momentos como esses. Estamos trazendo a mesma criatividade e paixão para enfrentar esse desafio que fazemos em tudo o que empreendemos.A Apple News lançou uma nova seção COVID-19, onde os usuários podem encontrar com clareza os relatórios mais recentes verificados em agências de notícias confiáveis.Como você já deve ter visto, a nossa Conferência Mundial anual de desenvolvedores (WWDC) estará em um formato online totalmente novo este ano. Vemos isso como uma oportunidade para reunir desenvolvedores ao redor do mundo de uma maneira inovadora.

Olhando para o futuro

Não há como negar o desafio deste momento. Toda a família Apple é grata aos heróicos socorristas, médicos, enfermeiros, pesquisadores, especialistas em saúde pública e servidores públicos em todo o mundo, que deram toda sua energia e dedicação para ajudar o mundo a enfrentar esse momento. Ainda não sabemos com certeza quando terminará o período de maior risco.E, ainda assim, fui inspirado pela humanidade e determinação que vi em todos os cantos da nossa comunidade global. Como o Presidente Lincoln disse em um momento de grande adversidade: “A ocasião está repleta de dificuldades, e devemos nos elevar com a ocasião. Como nosso caso é novo, devemos pensar de novo e agir de novo.”É sempre assim que a Apple escolhe enfrentar grandes desafios. E é assim que também vamos nos posicionar frente ao desafio atual. 

Tim “

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui