Início Notícias Exposição “Tríade: Linha, Plano, Imagem” abre ao público no Museu Vale, dia...

Exposição “Tríade: Linha, Plano, Imagem” abre ao público no Museu Vale, dia 30

164
0
Exposição “Tríade: Linha, Plano, Imagem” abre ao público no Museu Vale, dia 30

O galpão do Museu Vale, em Vila Velha, ganhou novas cores e formas – não só por dentro como por fora. Quem passa pelo local já encontra um grande mosaico de formas abstratas em tons de preto, branco, cinza e vermelho pintado em sua parede – uma das obras que anuncia a nova exposição que está no local: “Tríade: Linha, Plano, Imagem”. A mostra, que estará aberta ao público de 30 de novembro a 25 de fevereiro, traz obras de uma nova geração de artistas capixabas: Bruno Zorzal, Fredone Fone e Sandro Novaes. Juntos, eles receberam o desafio comum de ocupação dos grandes espaços do galpão de exposições harmonizando linha, plano e imagem.

Mas não é só por fora que a exposição desperta a curiosidade. Uma grande instalação tomará conta de toda uma sala, com uma linha que é um convite para o público. Em outra parte é possível ver em uma sala com inúmeras imagens plotadas em que multidões e paisagens desérticas se contrastam ao mesmo tempo em que se complementam. Ficou curioso? Tem muito mais!

A exposição tem curadoria de Neusa Mendes e Ronaldo Barbosa, que selecionaram os artistas a partir da exposição “20/20 – 20 Anos do Museu Vale, 20 artistas do Espírito Santo”, que marcou o aniversário da instituição, em 2018. As obras foram elaboradas especialmente para o museu, unindo espaços internos e externos, arquitetura e paisagem.

“Tríade é a 50ª exposição de arte contemporânea que apresentamos no Museu Vale. A mostra exibe os trabalhos desses três artistas capixabas que trilharam caminhos distintos dentro das artes plásticas. Nesse novo momento e contexto, expondo novamente na instituição, os três jovens artistas apresentam a expansão de suas obras, cuja paleta monocromática e a grande escala é fator comum a todos”, disse o diretor do museu, Ronaldo Barbosa.

“Com essa exposição, a Fundação Vale reconhece e valoriza, mais uma vez, a produção artística capixaba e contribui para a criação de novos espaços para partilha de saberes e convivência, por meio de uma outra tríade – Arte, Cultura, Educação -, pilares da atuação cultural da Vale nos territórios onde está presente, observa Hugo Barreto, diretor-presidente da Fundação Vale.

As visitas ao museu, que fica na antiga Estação de Pedro Nolasco, em Argola, são gratuitas. O local fica aberto de terça-feira a domingo. De terça a sexta-feira o horário de funcionamento é de 8h às 17h, e nos fins de semana é de 10h às 18h. Programe-se para conferir esta mostra!

Confira outras imagens

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui