Início Notícias Pesquisa de Mercado Toyota Corolla XEi automático é o carro com a maior depreciação, aponta...

Toyota Corolla XEi automático é o carro com a maior depreciação, aponta pesquisa

1099
0
Divulgação

A segunda metade do ano é um momento de atenção para os amantes de carros, já que diversas novidades chegarão no mercado automotivo. Previsto para o 10º mês do ano, o Toyota Corolla apresentará o primeiro híbrido flex para o Brasil. Já o Honda Civic acabou de passar por uma leve reestilização, com o intuito de se preparar para a chegada do rival.

Aproveitando o momento de inovações, a KBB Brasil, referência em precificação de automóveis novos e usados, selecionou as versões dos sedãs Honda Civic e Toyota Corolla para a batalha de depreciação: qual possui menor e maior desvalorização?

O Honda Civic EX 2.0 16V CVT Flex automático abre o levantamento com 4,40%, a menor desvalorização da batalha. Em seguida, o concorrente Toyota Corolla GLi 1.8 16V CVT Flex automático apresenta a taxa de 4,47%. Em 3º lugar, pertence ao Honda Civic Sport 2.0 16V Flex mecânico, com 4,79% em queda de valor.

O Corolla domina as últimas quatro posições do ranking, com opções que apresentam maior desvalorização. Com 7,59%, a versão automática do Toyota Corolla Altis 2.0 16V CVT Flex ocupa o 8º lugar. Na 9ª e 10ª posição, os modelos Corolla GLi e GLi Upper marcam presença com índices de 7,63% e 8,36%, respectivamente. Já o Corolla XEi 2.0 16V CVT Flex automático se destaca como o carro que mais perdeu valor no período analisado, desvalorizando em 9,02%.

Desta forma, nota-se que as versões Honda Civic têm uma menor desvalorização que as do Toyota Corolla. A montadora vencedora apresenta maior estabilidade entre as versões, com média ponderada de 5,1%, enquanto a Toyota conta com diferença de 7,5%. Ainda assim, ambos se encontram abaixo da média do mercado, em torno de 8%.

Confira abaixo a relação completa com todas as versões mais e menos desvalorizadas na batalha entre Honda Civic e Toyota Corolla:

Modelo/Versão Taxa de desvalorização
HONDA CIVIC Sedan 4P EX 2.0 16V CVT FLEX Automático -4,40%
TOYOTA COROLLA Sedan 4P GLi 1.8 16V CVT FLEX Automático -4,47%
HONDA CIVIC Sedan 4P SPORT 2.0 16V FLEX Mecânico -4,79%
TOYOTA COROLLA Sedan 4P XRS 2.0 16V CVT FLEX Automático -4,86%
HONDA CIVIC Sedan 4P TOURING 1.5 TB CVT Automático -5,14%
HONDA CIVIC Sedan 4P EXL 2.0 16V CVT FLEX Automátic -5,14%
HONDA CIVIC Sedan 4P SPORT 2.0 16V CVT FLEX Automático -7,48%
TOYOTA COROLLA Sedan 4P ALTIS 2.0 16V CVT FLEX Automático -7,59%
TOYOTA COROLLA Sedan 4P GLi 1.8 16V MT6 FLEX Mecânico -7,63%
TOYOTA COROLLA Sedan 4P GLi UPPER 1.8 16V CVT FLEX Automático -8,36%
TOYOTA COROLLA Sedan 4P XEi 2.0 16V CVT FLEX Automático -9,02%

Quando o assunto é preço de carros, há duas metodologias para calcular a perda de valor: Desvalorização e Depreciação. Desvalorização é a comparação do preço atual de um veículo com os valores aplicados pelo mercado à mesma versão fabricada em anos anteriores. Já a Depreciação usa o valor do veículo 0 Km em um período determinado em relação a seu atual valor residual, sempre considerando o mesmo ano/modelo e sem o mesmo rigor de sua definição contábil, que tem regras muito estritas. Neste estudo, foi aplicado o conceito de desvalorização, levando em consideração todo o período de vida dos modelos analisados.

A KBB utiliza tecnologias de análise de dados e Big Data para produzir os levantamentos de precificação e desvalorização de veículos novos e usados. Os valores aqui presentes são gerados por meio de um complexo algoritmo, que analisa diversos fatores de comportamento do mercado automotivo brasileiro, além de seguir uma rígida análise de especialistas. A empresa atua com o propósito de conscientizar os consumidores na compra e venda de carros a partir da determinação de preços justos.

Sobre a Kelley Blue Book

Criada em 1926 nos Estados Unidos, a Kelley Blue Book é referência em preços de carros novos e usados tanto para quem compra quando para quem vende. Ela usa como base de cálculo para o Preço KBB valores de mercado praticados regionalmente. Também é a única a produzir uma tabela que apresenta o preço de troca de um carro levando em conta fatores como quilometragem, cor, nível de equipamentos e estado de conservação do veículo. E que permite que ninguém perca dinheiro na negociação: seja de um novo ou de um usado. Também oferece conteúdo editorial abrangente em texto e vídeo, com dicas e avaliações de especialistas, ferramentas para comparação de carros e opinião do dono.

Referência em precificação no mercado automotivo norte-americano, a KBB está no Brasil desde outubro de 2017 com o site kbb.com.br. A sede da Kelley Blue Book é baseada em Irvine, Califórnia, e faz parte da Cox Automotive.

Artigo anteriorXVI Seminário de Atualização Tecnológica discutirá as evoluções das instalações para acompanhar as novas tendências tecnológicas
Próximo artigoBatavo lança categoria de iogurte que conta com 3 vezes mais leite em comparação ao iogurte grego
Editor Executivo do Portal CidadeMarketing.com.br > Mestre em Comunicação e Sociedade pela Universidade Federal de Sergipe. Possui MBA Executivo em Administração com ênfase em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas - Rio de Janeiro. Consultor, Palestrante e Pesquisador sobre Empreendedorismo, Marketing, Redes Sociais e Negócios Digitais. Professor, Palestrante TedxTalks e Campus Party.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui