Início Notícias “Em 2019, vamos dobrar o resultado operacional da Infraero”, afirmou o novo...

“Em 2019, vamos dobrar o resultado operacional da Infraero”, afirmou o novo presidente da empresa pública

32
0
Reprodução

O novo presidente da Infraero, Tenente-Brigadeiro do Ar Hélio Paes de Barros Júnior, tomou posse, nesta segunda-feira (15/7). Em solenidade simbólica de transmissão do cargo, presidida pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, no Ministério Público Militar, em Brasília (DF), o gestor agradeceu ao titular da Pasta pela confiança e assegurou que vai trabalhar arduamente para ampliar os resultados da empresa. “Recebi uma missão altamente complexa, mas extremamente prazerosa. Vou me esmerar ao máximo para cumpri-la de maneira coerente com as orientações e diretrizes do Governo Federal. E em 2019, vamos dobrar o resultado operacional da Infraero”, destacou.

“Parabéns a todos os funcionários da Infraero pelo trabalho que vêm desempenhando…” (Tenente Brigadeiro do Ar Hélio Paes de Barros). Aperte o play ▶️ e confira a íntegra do final do discurso do novo Presidente da #Infraero. #infraero #Posse #Presidente #infraestrutura

Publicado por Infraero Aeroportos em Segunda-feira, 15 de julho de 2019

O presidente também fez um agradecimento especial à ex-presidente Martha Seillier pelo tempo à frente da empresa. “Martha conseguiu identificar quais eram as possibilidades da Infraero e fazer com que os órgãos aos quais estamos vinculados entendessem essa importância, fazendo com que pudéssemos trafegar com mais tranquilidade para o futuro. A Infraero está viva e nós estamos juntos”, disse.

O Brigadeiro Paes de Barros cumpriu seis meses de quarentena após deixar a diretoria da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), em dezembro de 2018. No período, esteve à frente da presidência Martha Seillier, que deixou a empresa no início de julho para assumir a Secretaria Especial do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI).

Durante o evento, Seillier agradeceu o apoio e a dedicação dos profissionais da Infraero. “Encontrei colaboradores muito comprometidos em todos os Estados; grandes profissionais de enorme dedicação. São pessoas competentes, e que entendem a empresa, de fato, como uma grande prestadora de serviços públicos”, afirmou.

A ex-presidente também agradeceu o apoio do ministro da Infraestrutura. “O ministro Tarcísio abraçou a Infraero desde o início da nossa gestão, e nos deu toda a prioridade para que a não deixássemos de entregar aquilo que o cidadão brasileiro tanto merece”. Por fim, a gestora parabenizou o brigadeiro Hélio Paes de Barros e desejou sucesso na administração da Infraero. “Desejo ao senhor todo o sucesso na condução da empresa para esse novo momento de reestruturação e reconhecimento de todo o potencial que a Infraero ainda tem de colaborar com os rincões deste País, com um vasto projeto de aviação regional”, destacou.

O ministro da Infraestrutura reiterou a importância da empresa para o Brasil. “A Infraero é muito grande, com grande participação na história do Brasil e desafiador futuro pela frente. Um futuro que se confunde com o da nossa própria aviação, que tem um potencial enorme de crescimento. Somos hoje o sexto maior mercado do mundo, mas eu diria que, muito em breve, seremos o terceiro maior. O futuro nos reserva atingir e trilhar o caminho daquilo que é a vocação do Brasil: ser grande. E o Brasil sendo grande, a aviação civil também será, assim como o mercado de aviação que vai crescer. E nós vamos precisar de toda a competência, de toda a dedicação e profissionalismo da Infraero, que vai ter um papel fundamental na adequação da nossa infraestrutura para receber esse crescimento ao longo do tempo”, acrescentou.

O titular da Pasta também enfatizou a trajetória do novo presidente. “O Brigadeiro Paes de Barros tem uma longa trajetória ligada à aviação. Formado pela Aeronáutica, com passagem pela Agência Nacional de Aviação Civil. Tenho certeza que vai contribuir muito com o engrandecimento dessa empresa”, concluiu.

Além do ministro da Infraestrutura, participaram da cerimônia o ministro de Minas e Energia, Bento Costa Lima Leite, o ministro do Superior Tribunal Militar, Tenente Brigadeiro do Ar William de Oliveira Barros, o procurador-geral da Justiça Militar, Jaime de Cassio Miranda, o secretário Nacional de Aviação Civil do ministério da Infraestrutura, Ronei Glanzmann, o diretor-presidente da Anac, José Ricardo Botelho de Queiroz; além de autoridades das Forças Armadas, representantes das empresas aéreas, concessionárias, associações e entidades do setor aéreo.

Currículo

Natural do Rio de Janeiro, o Tenente-Brigadeiro do Ar Hélio Paes de Barros Júnior nasceu em 2 de maio de 1953. Bacharel em Ciências Aeronáuticas pela Academia da Força Aérea, e em Matemática, com área de concentração em Sistemas de Informação, pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), possui especialização em Política e Estratégia Aeroespaciais e pós-graduação em Ciências Militares, ambos pela Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR), além de curso de especialização de oficiais pela Escola de Aperfeiçoamento de Oficiais (EAOAR).

Ingressou na Aeronáutica em 1969, na Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR), tendo atuado em diversas funções. Especificamente com relação à aviação civil, atuou no antigo Departamento da Aviação Civil (DAC), onde foi vice chefe de Tecnologia da Informação, chefe do Subdepartamento de Operações e chefe do Subdepartamento de Serviços Aéreos. Em 2007, atuou como diretor na Diretoria de Material Aeronáutica e Bélico (DIRMAB). No ano de 2010, assumiu o Segundo Comando Aéreo Regional (II COMAR). Em 2011, esteve à frente do Estado-Maior do Comando-Geral de Operações Aéreas (COMGAR). Durante o período de 2012 até 2014 foi Comandante do Comando-Geral de Apoio (COMGAP). A partir do ano de 2015, tornou-se Chefe do Estado-Maior da Aeronáutica. Já em 2016, assumiu uma das diretorias da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), onde permaneceu até 2018.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here