Início Notícias PUCPR recebe Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora

PUCPR recebe Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora

360
0
Paulo Cesar Porto Martins, coordenador do HUB de Empreendedorismo da PUCPR (ao centro), recebe o prêmio das mãos de Vitor Roberto Tioqueta, diretor-superintendente do Sebrae/PR (à esquerda), e Julio Cezar Agostini, diretor de Operações do Sebrae/PR (à direita) Crédito: Divulgação

Na última terça-feira (2) a Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) foi premiada pela segunda vez no Prêmio Estadual de Educação Empreendedora. A iniciativa realizada pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micros e Pequenas Empresas (SEBRAE) selecionou os quatro projetos mais inovadores destinados ao estímulo da cultura empreendedora em escolas e universidades – foram 218 inscritos concorrendo em quatro categorias: ensino fundamental, médio, profissional e superior.

A PUCPR venceu a categoria Ensino Superior com o HUB de Empreendedorismo, iniciativa que envolve um conjunto de palestras e eventos ligados ao empreendedorismo, a formação com o ensino de matérias, suporte e programas de germinação de ideias, além da execução de programas de inovação aberta, aceleração e incubação.

“O reconhecimento é importante para sabermos que estamos indo na direção correta e também um fator motivador para todos aqueles que trabalham com a educação empreendedora”, comemora o coordenador do HUB de Empreendedorismo da PUCPR, Paulo Cesar Porto Martins.

“Nossas conquistas só foram possíveis graças ao apoio de todos os Decanos, Coordenadores de Curso e, especialmente, por conta dos estudantes que se envolvem cada vez mais nas iniciativas empreendedoras”, completa.

Histórico

O processo de implementação do HUB de Empreendedorismo da PUCPR começou há cerca de 18 meses. O trabalho é desenvolvido em duas frentes: uma voltada para o estímulo do empreendedorismo entre os estudantes e a outra focada em desenvolver competências empreendedoras.

“As ações que desenvolvemos são ‘mão na massa’, as dinâmicas são muito práticas e focadas na resolução de problemas. Por isso estamos conectados com a sociedade: trazemos as empresas para construir conosco”, diz Paulo. “Empresários estão conduzindo, mentorando e participando. Semestralmente discutimos e remodelamos as ações; o mercado é dinâmico e para acompanhá-lo precisamos estar sempre nos questionando e nos adaptando”, conclui o professor. 

Artigo anteriorDez Milhas Garoto tem novos horários de largada
Próximo artigoMPT lança campanha contra trabalho infantil
Editor Executivo do Portal CidadeMarketing.com.br > Mestre em Comunicação e Sociedade pela Universidade Federal de Sergipe. Possui MBA Executivo em Administração com ênfase em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas - Rio de Janeiro. Consultor, Palestrante e Pesquisador sobre Empreendedorismo, Marketing, Redes Sociais e Negócios Digitais. Professor, Palestrante TedxTalks e Campus Party.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui