Início Notícias Correios habilita serviço de interrupção de entrega de encomenda protegendo vítimas de...

Correios habilita serviço de interrupção de entrega de encomenda protegendo vítimas de golpes

50
0

A partir desta semana, todos os clientes dos Correios poderão solicitar a suspensão da entrega de uma encomenda ao destinatário, caso percebam terem sido vítimas de golpe ou se arrependam do envio por algum motivo. Para isso, é preciso informar o CPF/CNPJ do remetente sempre que for postar um objeto na agência.

Feito isso, em caso da necessidade de interrupção da entrega, basta acessar o site dos Correios, informar o código de rastreamento do objeto e realizar login com CPF/CNPJ e senha do idCorreios.

Essa etapa de verificação tem o objetivo de assegurar que a interação está sendo realizada pelo remetente, pois só ele tem acesso ao comprovante. Após o registro com sucesso da solicitação no Portal Correios, a encomenda fica com o status de bloqueio. Na unidade responsável pela entrega ao destinatário, o sistema alerta aos carteiros que aquela encomenda não deve ser entregue. O objeto é, então, encaminhado para devolução ao endereço do remetente.

Funcionalidade

O serviço faz parte do projeto Entrega Interativa que tem o objetivo de permitir maior interação com os Correios durante o fluxo de entrega de encomendas. O recurso está acessível aos clientes que informarem o CPF/CNPJ no momento da postagem. Além da vantagem de realizar o rastreamento no Portal Correios, o sistema, agora, passa a classificar as informações em “Objetos postados por você” (aqueles que o cliente postou) e “Objetos postados para você” (aqueles que o cliente irá receber), desde que essa informação tenha sido passada aos Correios pelo remetente, no ato da postagem. O novo serviço, que agrega mais valor e gera maior confiabilidade junto aos usuários, está disponível em todo o território nacional.

Disponibilidade do serviço:

A funcionalidade está disponível para as encomendas PAC e SEDEX postadas em todo o território nacional.

Quem pode usar:

Por meio do Portal Correios:
Clientes que possuem contrato com os Correios (postagens a faturar) e clientes que não possuem contrato com os Correios (postagens à vista), desde que o CPF do remetente tenha sido informado no momento da postagem;
Clique aqui para acessar o passo a passo de como fazer a solicitação via Portal Correios

Por meio de integração via webservices:
Clientes que possuem contrato com os Correios e realizem integração entre seus sistemas e o sistema dos Correios (saiba mais em: http://www.corporativo.correios.com.br/encomendas/sigepweb/doc/Manual_de_Implementacao_do_Web_Service_SIGEP_WEB.pdf

Por meio de solicitação ao assistente comercial:
Clientes que possuem contrato com os Correios e contem com benefício de Assistente Comercial de Operações dentro do pacote de benefícios e contrapartidas da Política Comercial dos Correios

Como funciona:

Registro da solicitação:

Por meio do Portal Correios:
Para utilização da funcionalidade, o remetente deverá acessar o ambiente de rastreamento da encomenda, realizar autenticação por meio do idCorreios, informar o idtiquete impresso no comprovante de postagem e confirmar a solicitação.

Por meio de integração webservices:
Para utilização da funcionalidade, o detentor do contrato deverá realizar integração tecnológica por método web service para a pré-postagem das encomendas, implementando também o método de Suspensão de entrega de encomenda a pedido do remetente, conforme orientações do Manual para Integração via Web Service do SIGEP WEB;

Sempre que for necessário suspender a entrega de uma encomenda, a CONTRATANTE, devidamente autenticada, deverá enviar via método web service previamente implementado o comando de Suspensão de entrega de encomenda a pedido do remetente;

A CONTRATANTE deverá observar a mensagem de retorno enviada pelo método web service quanto à possibilidade ou impossibilidade do envio do comando de suspensão da entrega para a encomenda solicitada;

Via solicitação ao assistente comercial:
A CONTRATANTE deverá entrar em contato com seu assistente comercial e formalizar a solicitação por e-mail, informando o código do objeto.

Tratamento da solicitação pelos Correios
Os Correios receberão a informação da solicitação de suspensão de entrega e, após validações, gravarão código da encomenda a informação de “Suspensão de entrega de objeto solicitada pelo remetente”.

Essa informação indica ao carteiro que aquela encomenda não deve ser entregue ao destinatário e, sim, encaminhada para devolução ao remetente.

A encomenda, então, seguirá o fluxo normal até a chegada à unidade de distribuição da cidade de destino, onde será identificada e encaminhada para devolução ao remetente.

Após a identificação da encomenda na unidade de distribuição, seu status no rastreamento será alterado para “Objeto será devolvido por solicitação do contratante/remetente”.

Por que utilizar essa funcionalidade?

A suspensão da entrega a pedido do remetente proporciona tranquilidade para a pessoa ou empresa que envia uma encomenda, principalmente para mercadorias transacionadas pelo comércio eletrônico.

Ao perceber tardiamente que uma compra ou uma negociação realizada pela internet trata-se, na verdade, de uma fraude ou um golpe, o cliente dos Correios pode solicitar que a encomenda não seja entregue ao destinatário, e seja – então – devolvida ao remetente.

Assim, a funcionalidade oferece mais segurança para os usuários dos serviços dos Correios, especialmente para o comércio eletrônico.

Atenção!

A suspensão da entrega da encomenda não é garantida. Após registrada, a solicitação será atendida sempre que viável operacional e tecnicamente para os Correios. Portanto, a funcionalidade não exime o remetente de tomar todos os cuidados adequados às negociações ou vendas pela internet.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here