Início Notícias Coca-Cola Brasil apresenta novas embalagens retornáveis

Coca-Cola Brasil apresenta novas embalagens retornáveis

1282
0
Divulgação

Empresa unifica garrafas de todos os seus refrigerantes e garante ganhos para o meio ambiente e para o bolso
Com investimento de R$ 100 milhões, a Coca-Cola Brasil passa a comercializar todas as garrafas de PET retornável de suas marcas de refrigerantes* em um único formato. Isso quer dizer que, a cada volta à fábrica, a embalagem 100% reciclável poderá ser envasada e receber um rótulo de papel destacável de qualquer produto da Coca-Cola Brasil. Com isso, a pessoa poderá escolher qual bebida deseja comprar toda vez que levar a embalagem vazia de volta para o ponto de venda.

Até então, havia um modelo diferente de garrafa retornável para cada marca de refrigerante, com formato próprio e o rótulo impresso de forma permanente.  A tinta aplicada nas garrafas prejudicava, ainda, a reciclagem do produto. A solução, pioneira entre os fabricantes da Coca-Cola em todo o mundo, possibilitou adaptação nas linhas de produção para aplicar e retirar rótulos de papel, a cada nova ciclo das garrafas. As novas tecnologias permitiram mais versatilidade e eficiência, e menos desperdício.  A iniciativa será replicada na América Latina em países como Argentina, Chile, Peru e Colômbia.

A Coca-Cola Brasil aposta na ampliação da oferta de produtos retornáveis como parte de sua estratégia de crescimento consciente. “Hoje estamos com cerca de 20% do nosso volume comercializado composto por embalagens retornáveis, e a meta é chegar a 40% até 2020”, afirma Diogo Gioia, gerente de operações da Coca-Cola Brasil. “Com as embalagens retornáveis, oferecemos produtos com a mesma qualidade, por um preço mais acessível”, conclui.

Os principais benefícios da embalagem universal para o meio ambiente são a redução de emissão de carbono e a não geração de resíduos, uma vez que ela diminui a quantidade de novas garrafas produzidas. Há, também, o controle total sobre sua destinação após os ciclos de uso, quando todas voltam para as fábricas e, em seguida, são encaminhadas à indústria recicladora.  Com as retornáveis, anualmente, a empresa deixa de colocar mais de 200 milhões de PETs no mercado.

As novas garrafas já começaram a chegar ao mercado do Centro-Oeste. Em outubro estarão disponíveis em São Paulo e novembro no Nordeste. No Rio de Janeiro, as novas embalagens poderão ser encontradas a partir de dezembro. Em até dois anos, todas terão o mesmo padrão. Para o aumento de participação de retornáveis e das garrafas universais, a empresa está investindo em infraestrutura, ampliação de linhas de envase, equipamentos de fábrica e compra de vasilhames. Aqui no Brasil, a empresa vai chegar ao fim de cinco anos (2016-2020) com investimento de R$ 1,6 bilhão para garantir os objetivos de suas políticas de embalagens, como o de ajudar a recolher o equivalente a 100% das embalagens que coloca no mercado até 2030.

*Marcas disponíveis em embalagens retornáveis: Coca-Cola, Coca-Cola Sem Açúcar, Fanta Uva, Fanta Laranja, Fanta Guaraná, Sprite e Guaraná Jesus.

Artigo anteriorVale bate recorde na produção de minério de ferro para 104,9 milhões de toneladas
Próximo artigo“Samsung Áudio Acordes” reúne 10 módulos gratuitos de audioaulas de violão para pessoas cegas e com deficiência visual
Editor Executivo do Portal CidadeMarketing.com.br > Mestre em Comunicação e Sociedade pela Universidade Federal de Sergipe. Possui MBA Executivo em Administração com ênfase em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas - Rio de Janeiro. Consultor, Palestrante e Pesquisador sobre Empreendedorismo, Marketing, Redes Sociais e Negócios Digitais. Professor, Palestrante TedxTalks e Campus Party.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui