Início Notícias Ataque a tiros transmitido ao vivo pela internet em mesquitas na Nova...

Ataque a tiros transmitido ao vivo pela internet em mesquitas na Nova Zelândia deixa 49 mortos; Homem descreveu ataque pelo Twitter

271
0
Reprodução/Twitter

A transmissão via Facebook Live iniciou quando o atirador se dirigiu à mesquita de Al Noor, quando estacionou o seu carro numa entrada próxima na comunidade muçulmana de ChristChurch Mosque na Nova Zelândia.

O terrorista armado entrou na mesquita, atingindo a sua primeira vítima na porta de acesso ao local. Pelas imagens, o atirador estava armado com uma arma de fogo semiautomática.

Dentro da Mesquita, começou a atirar indiscriminadamente. Uma segunda vítima, depois de ter sido atingida, ainda tentou fugir no corredor principal, mas foi baleada várias vezes pelas costas.

As pessoas, tentavam se esconder pelos cantos das salas e acabaram sendo atingidas pelos tiros depois do bloqueio das saídas pelo atirador.

O atirador deslocou-se a vários espaços da mesquita, disparando repetidamente, parando várias vezes para recarregar.

Acabou por sair da mesquita pela porta da frente – depois de pouco menos de três minutos no interior e dirigiu-se para a rua -, disparando tiros aleatórios à passagem dos carros.

O homem regressou à viatura para obter mais munições. Voltou a entrar na mesquita para verificar se ainda existiam sobreviventes e começou a atirar novamente contra as pessoas que se encontravam imóveis.

O filme de terror de 17 minutos termina quando o atirador sai do local em alta velocidade.

Num longo manifesto publicado ‘online’, o atirador descreveu quem era e qual o motivo realizou o massacre na mesquita em Christchurch.

A rede social Twitter suspendeu a conta no nome de Brenton Tarrant.

Polícia prendeu quatro pessoas suspeitas de terem participado da ação em Christchurch. Pelo Twitter, a Polícia na Nova Zelândia, orienta a população:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here