Início Notícias Pesquisa de Mercado Metade dos consumidores que vão às compras na Black Friday deve gastar...

Metade dos consumidores que vão às compras na Black Friday deve gastar acima de R$ 600, aponta Boa Vista SCPC

41
0

Mais de 100 milhões de brasileiros devem aproveitar as promoções da Black Friday este ano. É o que indica pesquisa realizada pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), segundo a qual 71% dos consumidores entrevistados pretendem comprar nesta que é uma das mais novas datas comemorativas do comércio brasileiro, que este ano cai no dia 23 de novembro. Ainda de acordo com a pesquisa sobre hábitos de consumo na Black Friday, dos que irão às compras, metade pretende gastar acima de R$ 600, o que representa cerca de 49 milhões de consumidores. Para outros 11% o ticket médio deve ficar entre R$ 501 e R$ 600.

Realizada com cerca de 1.200 entrevistados, em todo o país, entre os meses de setembro e outubro, a pesquisa da Boa Vista constatou ainda que 64% dos consumidores pretendem pagar as compras da Black Friday parcelando o valor, enquanto 36% pagarão à vista. Dos que irão parcelar o pagamento das compras nesta data, 27% farão de 2 a 3 vezes; 32% entre 4 e 12 vezes e 5% acima de 12 vezes. Para isso, 44% utilizarão o cartão de crédito, seguido por boleto bancário (18%). As outras formas de pagamento mais utilizadas serão em dinheiro (13%) e cartão de débito (9%).

Dos que farão compras na Black Friday, 63% afirmam que já compraram em anos anteriores nesta mesma data, e 81% destes declaram ser vantajoso aproveitar a ocasião para fazer compras, principalmente por obter descontos (redução de preços, juros menores, isenção de juros etc), em 76% dos casos. Ainda de acordo com a pesquisa da Boa Vista, para 56% as compras na Black Friday serão planejadas. 37% de oportunidade. 6% de ocasião e para 1% por impulso.

Quando o assunto é o local da compra, 60% pretendem comprar em e-commerces e 40% em lojas físicas, dos quais 25% concentrarão as compras nas grandes redes varejistas/lojas de departamentos de shoppings e 22% nas demais lojas de shoppings centers.

Entre as principais categorias de produtos que os consumidores pretendem comprar, destacam-se: 51% eletrônicos e eletrodomésticos (empatados), 42% celulares, 38% itens de moda e acessórios, 33% informática, 32% itens de casa e decoração e 17% produtos de saúde, cosméticos e perfumaria.

A pesquisa identificou também que 58% dos consumidores irão comprar produtos que ainda não possuem. 38% comprarão produtos para substituir outros ou repor o que já possuem e apenas 4% comprarão por motivo de lançamento ou por desejarem estar na moda/antenado(a) com as novidades.

Dos 29% que não farão compras na Black Friday, 20% alegam que o endividamento é o principal motivo para não consumir nesta data. O aumento dos preços/inflação aparece como segundo motivo (18%), seguido da contenção de despesas (17%), pagamento de outras contas da casa (15%), desemprego (12%); não ter o hábito de fazer compras nesta data/sem vantagem (12%) e redução da renda/salário (6%).

Metodologia
A Pesquisa Hábitos de Consumo na Black Friday, realizada pela Boa Vista SCPC, buscou identificar a pretensão de compras dos consumidores, as categorias de produtos e os serviços mais desejados na data. Para a sua elaboração foi utilizada a metodologia quantitativa, por meio de questionário eletrônico via internet, no período de 24 de setembro a 26 de outubro de 2018. O universo é representado por consumidores de modo geral, incluindo os que buscam informações no site Consumidor Positivo – www.consumidorpositivo.com.br. A amostra é aleatória, não probabilística, alcançando um total de 1.200 respondentes. Para a leitura dos resultados considerar 2,8% de margem de erro e confiabilidade de 95%.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here