Início Notícias Pesquisa de Mercado PROTESTE avalia ração para gatos

PROTESTE avalia ração para gatos

Análise mostra que Brasil ainda não possui critérios para verificar a qualidade do alimento para o animal.

33
0

Gatos são animais carnívoros que, diferente do imaginário de desenhos animados, não precisam de leite, e sim de uma dieta rica em proteínas e gorduras. Pensando em esclarecer a qualidade das rações para felinos disponíveis no mercado, a PROTESTE, associação de consumidores, levou 15 marcas para o laboratório, a fim de certificar se todas suprem as necessidades nutricionais dos pets.
Durante o teste foram avaliadas 15 marcas de ração: EQUILÍBRIO Gatos adultos indoor, N&D Grain free adult cat, PREMIUM CAT Vitalidade adulto, PREMIER Adultos ambientes internos, NATURAL Alimento superior premium para gato, GRAN PLUS Alimento high premium adulto, GOLDEN Gatos adultos, MAX CAT Professional line adulto, PRO PLAN Vitalidade adult optidigest, SABOR & VIDA Adulto, CAT CHOW Exigentes, THREE CATS Premium especial adultos, TOP CAT Fish flavour pescado, FRISKIES Peixes & frutos do mar e WHISKAS 1+anos.

No teste, todas as opções de ração seca para gatos adultos se mostraram de qualidade. O consumidor pode optar por versões mais baratas, como a Gran Plus, cujo preço do quilo é de R$16, ou pela mais cara da pesquisa, a N&D, que custa R$49 na mesma quantidade que a primeira. O importante é saber que escolhendo qualquer uma das duas não estará prejudicando ou privando o animal de uma dieta saudável, mas ao escolher pela primeira poderá levar para a residência até três pacotes com o preço da segunda.
O Brasil não possui uma norma para padrões de qualidade deste tipo de alimento, por isso, a PROTESTE se baseou nas recomendações da European Pet Food Industry Federation (FEDIAF), que estabelece critérios como a quantidade adequada de proteína e de outros nutrientes que atendam às necessidades fisiológicas dos gatos.
Para a Federação, o mínimo de proteína oferecido pelo alimento deve ser de 33,3% e 0,13% para taurina e 0,23% para metionina. A digestibilidade da proteína (proporção que será absorvida) aceitável é de 80% e, a maioria das marcas testadas no Brasil ultrapassou este critério, com 95% de digestibilidade. A marca que menos se destacou nesta análise foi a Friskies, com 88%, o que ainda representa um bom resultado.

Sem exceções, as rações atenderam às recomendações referentes à quantidade e qualidade da proteína (possuem quantidades adequadas deste nutriente, boa absorção e proporções adequadas dos aminoácidos taurina e metionina, considerados essenciais aos gatos). As duas marcas que se destacaram neste quesito foram a N&D, e a Equilíbrio, sendo consideradas excelentes. A porcentagem gordura presente no alimento também foi analisada, bem como a quantidade de ácidos graxos essenciais presentes. A FEDIAF determina que a ração deve ter, no mínimo, 9% de gorduras, 0,67% de ácido linoleico e 0,008% de ácido araquidônico para animais adultos. Todas as marcas oferecem níveis adequados, e a Premium Cat, Equilíbrio e N&D se sobressaíram.
O teste também verificou os níveis de fibras e carboidratos presentes, responsáveis por saciar a fome do animal e melhorar o trânsito intestinal. Uma vez que os felinos não precisam de grandes quantidades de fibras, o máximo recomendado é de 5%. Nesta categoria, a TOP Cat apresentou a maior quantidade de fibras (3,9%) e a Equilíbrio a menor quantidade (0,86%). Os carboidratos, fonte de energia do animal, são considerados bons quando não representam mais de 65%. Das 15 marcas avaliadas, todas foram aprovadas, mas a N&D e a Equilíbrio se destacaram por oferecerem as menores quantidades do nutriente, com 21% e 34%, respectivamente.
A energia que os gatos precisam é encontrada nas calorias do alimento, o consumidor deve verificar se está oferecendo os valores corretos ao animal. Quando os níveis calóricos ficam abaixo do recomendado o bicho pode sofrer deficiências energéticas ou começar a sentir mais fome. O recomendado é que o gato coma a quantidade mínima de 325kcal/100 g de ração. Neste ponto a N&D se saiu melhor com 443 kcal/100 g, seguida por Equilíbrio, com 429 kcal/100 g, Premium Cat, 426 kcal/100 g. A rações Friskies (com 383/100 g) e Whiskas (com 377kcal/100g) foram as menos energéticas. Os índices de cálcio, fósforo, zinco, magnésio e vitamina A também passaram pela avaliação nutricional, com todas as marcas aprovadas.

Todas as marcas se mostraram ser preparadas com material de qualidade. Os níveis de umidade ficaram dentro do esperado, o que é bom, pois quando estão em excesso favorecem o crescimento de fungos e elevam a produção de micotoxinas (que podem ser cancerígenas). Na análise, também foram procuradas cinzas. Elevada quantidade de cinzas pode significar que ingredientes de baixa qualidade e digestibilidade são utilizados como matéria-prima na ração como, por exemplo, cascas de cereais e farinha de aves (com excesso de penas, patas e bicos). Quanto maior a quantidade de cinzas, menor a qualidade nutricional e pior a digestão do animal. A marca que apresentou os menores índices foi a N&D, com 6,17%, a Whiskas foi a com o valor mais alto 9,54%.
No que diz respeito a peroxidação, indicativo de qualidade da gordura, os resultados também foram satisfatórios. Foi procurada a presença de BHT e BHA, que são conservantes usados para prolongar a duração das rações, e neste quesito muitas marcas ultrapassaram o limite europeu. A N&D, que indica utilizar apenas conservantes naturais foi pega neste teste pela detecção de BHT e BHA que não são compostos naturais. Neste ponto, também foram consideradas ruins por ultrapassarem o limite a Cat Chow, Golden, Premier, ProPlan, Premiun Cat e Whiskas. A Premier foi a única que apresentou aflatoxinas, um composto tóxico produzido por fungos, porém em baixas quantidades.

Diante dos resultados do teste, a PROTESTE pediu ao Ministério da Agricultura a elaboração de uma norma que estabeleça padrões de qualidade para rações no mercado brasileiro, de acordo com os parâmetros recomendados internacionalmente para alimentos de gatos. Para acessar ao comparador de rações para gatos, basta acessar proteste.org.br/racoes-gatos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here