Esqueci minha senha
Não sou cadastrado
Seja um Membro
 
 
 
publicidade
 
 
 
 
30/09/2013 - 08h25

Bahia se destaca entre os vencedores do Prêmio FINEP 2013 na Região Nordeste

Apenas os primeiros colocados em cada categoria são premiados, com troféu e valores em dinheiro, e eles concorrem, agora, à grande final nacional.
Thales Brandão

CidadeMarketing

ALTERA O
TAMANHO DA LETRA

A Região Nordeste acaba de conhecer os vencedores regionais do Prêmio FINEP de Inovação 2013. São doze empresas e ICTs que ficaram nas três primeiras colocações, em diferentes categorias. A Bahia se destacou, com dois dos quatro primeiros colocados: Cetrel - Empresa de Proteção Ambiental, na categoria Inovação Sustentável, e Grin9 Educação e Gestão Ambiental, em Tecnologia Social. Sergipe e Pernambuco também chegaram às primeiras posições, com o Instituto de Pesquisas em Tecnologia e Inovação (SE), na categoria ICT, e Neurotech Tecnologia da Informação (PE), em Pequena Empresa. A cerimônia de premiação regional este ano engloba os vencedores de todas as regiões, no Teatro Municipal do Rio de janeiro, no dia 13/10, às 17h. Veja aqui a lista com todos os vencedores regionais.

 

Apenas os primeiros colocados em cada categoria são premiados, com troféu e valores em dinheiro, e eles concorrem, agora, à grande final nacional, no Palácio do Planalto com a presença da Presidenta Dilma Rousseff, em data a ser confirmada. Este ano, são R$ 8 milhões em prêmios, incluindo a fase nacional. Veja, abaixo, os prêmios para cada vencedor do Nordeste:

ICT: Instituto de Pesquisas em Tecnologia e Inovação (SE): R$ 200 mil
Inovação Sustentável: Cetrel - Empresa de Proteção (BA) - R$ 100 mil
Pequena Empresa: Neurotec Tecnologia da Informação (PE) - R$ 200 mil
Tecnologia Social: Grin9 Educação e Gestão Ambiental (BA) - R$ 200 mil

As inscrições do Prêmio FINEP de Inovação 2013 - abertas de 8/4 a 8/8 - totalizaram 570 candidatos, nas nove categorias - Micro e Pequena Empresa, Média Empresa, Grande Empresa (apenas na etapa nacional), Instituição de Ciência e Tecnologia, Tecnologia Social, Inventor Inovador, Tecnologia Assistiva, Inovação Sustentável e Inovar Fundos - também restrita à etapa nacional e dividida em três subcategorias - Governança, Equipe e Operação. O maior número de inscritos foi na categoria Pequena Empresa, com 166 formulários preenchidos. A Região Nordeste não teve finalistas em Média Empresa, Tecnologia Assistiva e Inventor Inovador.

 

A fase de cadastramento dos jurados e a pré-qualificação dos projetos, feita pela área técnica da FINEP, foi realizada em agosto. Esta etapa compreendeu a análise prévia considerando preenchimento do formulário, atendimento ao perfil, condições de participação e categorias previstas no regulamento. O passo seguinte foi o julgamento regional, em que as propostas pré-qualificadas foram avaliadas por comitês de jurados compostos por especialistas, representantes de instituições inovadoras, do setor empresarial e da FINEP. Clique aqui para conhecer os jurados da premiação.

 

Na próxima e última etapa, haverá o julgamento nacional, com apresentação dos vencedores das categorias Pequena e Média Empresa, ICT e Tecnologia Social. O julgamento das categorias Grande Empresa, Tecnologia Assistiva e Inovação Sustentável é apenas virtual. Já o Inventor Inovador é escolhido após reunião das áreas técnicas da FINEP e do INPI. O mesmo modelo é aplicado à categoria Inovar Fundos.

 

Conheça os primeiros colocados na Região Nordeste, por categoria:

ICT
Instituto de Pesquisas em Tecnologia e Inovação (SE)

O IPTI é uma instituição privada de pesquisas, sem fins lucrativos, cujo objetivo é desenvolver tecnologias sociais, numa abordagem sistêmica e evolutiva entre educação, saúde e economia criativa, integrando conhecimento científico e empírico, através de uma estratégia que associa arte, ciência e tecnologia. O IPTI se empenha para posicionar as tecnologias sociais como estratégia inovadora e eficiente para atender às demandas das políticas públicas e do investimento social privado.

Inovação Sustentável
Cetrel - Empresa de Proteção (BA)

Na década de 70, quando foi fundada, a empresa começou a atuar no nordeste do Brasil, garantindo a qualidade ambiental na Petroquímica Camaçari. Com a função inicial de tratamento de efluentes líquidos gerados por indústrias, desde 1991, quando foi privatizada, a Cetrel gradualmente expandiu seu portfólio.

Pequena Empresa
Neurotec Tecnologia da Informação (PE)

Criada no ecossistema do C.E.S.A.R e Porto Digital, por professores do CIn-UFPE, a NeuroTech é uma empresa que desenvolve e presta serviços em Sistemas de Suporte à Decisão. Consolidada no mercado financeiro com soluções para crédito, cobrança e fraude, a empresa está levando sua plataforma e serviços às verticais de seguro, energia e saúde e a projetos estratégicos.

Tecnologia Social
Grin9 Educação e Gestão Ambiental (BA)

A GRIN9, criada em 1997, atua com gestão socioambiental, metodologias participativas e sociais, políticas ambientais, planejamento sustentável, pesquisa e moradia social. Tem projetos de empreendedorismo social junto à FAPESB, Moradia Social para as comunidades indígenas com o Governo da Bahia, além de publicação de trabalhos técnicos, livros, revistas em quadrinhos com temática de sustentabilidade. Foi premiada em 2013 em Habitação Popular- relevância social - pela ABC (Associação Brasileira de COHABS).

 



 
Comentários
 
 


 
Não consegue ler? Gere um novo aqui

 
publicidade
 

 
Veja todas as notícias
publicidade
 
 
 
 
 
 
 


www.joww.net | Johnatan Oliveira